Demissão de Afonso Florence deixou mágoas na relação entre Jaques Wagner e Dilma Rousseff

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Jaques Wagner e Dilma Rousseff
Jaques Wagner e Dilma Rousseff

A matéria é do Correio Brasiliense, e aborda as recentes demissões de baianos no primeiro escalão do governo Dilma Rousseff. Segundo Correio, Wagner ficou magoado com a demissão de Florence. Sendo informado a poucas horas do anúncio público por parte da presidência.

Aliados confusos

As posturas da presidente estão deixando os aliados cada vez mais confusos. Ela não tem avisado sobre as mudanças — “ninguém sabe o que passa por essa cabeça, é um desespero”, disse um petista — e, quando comunica, informa em cima da hora, sem dar tempo de reação para o interlocutor. Foi assim, por exemplo, na substituição do ministro do Desenvolvimento Agrário, Afonso Florence, na última sexta-feira. Um dos padrinhos de Florence, o governador da Bahia, Jaques Wagner, sabia desde o fim do ano que o ministro estava na berlinda.

Mas Wagner só foi avisado que o deputado Pepe Vargas (PT-RS) seria o substituto às 16h15, três horas antes do anúncio oficial. “É claro que o governador ficou magoado”, disse um aliado do governador baiano. Mesmo com uma relação conflituosa o tempo todo com o PMDB, os petistas também condenaram o perfil forte da presidente. “Os gestos dela não refletem o mundo real daqui de dentro”.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 113875 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]