Comissão de Transportes da Câmara Federal aprova projeto que obriga criação de ciclovias. Projeto foi apresentado pelo deputado Lúcio Vieira

Projeto sobre criação de ciclovias foi apresentado pelo deputado Lúcio Vieira.
Projeto sobre criação de ciclovias foi apresentado pelo deputado Lúcio Vieira.
Projeto sobre criação de ciclovias foi apresentado pelo deputado Lúcio Vieira.
Projeto sobre criação de ciclovias foi apresentado pelo deputado Lúcio Vieira.

A Comissão de Viação e Transportes (CVT) da Câmara Federal aprovou, por unanimidade, na tarde desta quarta-feira (30/11/2011), o Projeto de Lei nº 1346/2011, de autoria do deputado federal Lúcio Vieira Lima (PMDB), que cria o Estatuto dos Sistemas Cicloviários. Pela proposta, a União, os estados e os municípios serão obrigados a criar os sistemas cicloviários nacionais, estaduais e municipais. Esses sistemas serão formados por uma rede viária para o transporte por bicicletas, constituídas por ciclovias, ciclofaixas, e faixas compartilhadas para circulação de bicicletas com o trânsito de carros. O relator do projeto na CVT foi o deputado Lúcio Vale (PR-PR).

Além das faixas exclusivas, os sistemas cicloviários deverão conter locais específicos para estacionamento, chamados de bicicletários (locais para estacionamento de longa duração, públicos ou privados) e paraciclos (locais para estacionamento de curta e média duração em espaço público).

Ainda de acordo com o texto do projeto, todos os terminais e estações do sistema de transporte coletivo, os edifícios públicos, as indústrias, as escolas, os centros de compras, os condomínios, os parques e outros locais de grande fluxo de pessoas deverão possuir locais para estacionamento de bicicletas. O projeto segue agora para a análise da Comissão de Desenvolvimento Urbano (CDU).

Redação do Jornal Grande Bahia
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 108703 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]