Vitória da Conquista vai ganhar pólo científico de medicamentos

Centro Nacional de Biopreparados de Cuba.
Comitiva visita Cuba e conhece parque do Centro Nacional de Biopreparados.

Uma comitiva formada pelo prefeito de Vitória da Conquista, Guilherme Menezes e por autoridades nacionais e estaduais de Saúde está em Cuba para estudar os moldes de implantação de um pólo científico de medicamentos no município. A viagem oficial, feita a convite da Secretaria Estadual de Saúde da Bahia e do governo cubano, começou no dia 20 e termina no dia 25 de novembro (2011). O empreendimento, inicialmente, produziria produtos para alergias e voltados à saúde da mulher e utilizaria para isso mão de obra e matéria prima local.

Além do prefeito, estão na comitiva o representante do Ministério da Saúde, Dr. Heider Pinto; o secretário estadual de Ciência e Tecnologia da Bahia, Paulo Câmera; o chefe de gabinete da Sesab, Washington Couto; pela presidente da Bahiafarma, Julieta Palmeira, e pelo diretor de operação da Bahiafarma, Carlos Alberto Trindade. Em Cuba, a comitiva está conhecendo o parque tecnológico do Centro Nacional de Biopreparados/ BioCen, que firmou uma parceria com a Bahiafarma para a instalação da fábrica de medicamentos.

A parceria entre Bahiafarma e BioCen foi firmada no dia 6 de junho de 2011 e visa à criação de um Polo Científico Biotecnológico em Vitória da Conquista para benefício do sistema público de saúde brasileiro, mediante um processo contínuo de pesquisa, desenvolvimento e cooperação externa. A fábrica em Conquista utilizará a mesma tecnologia da BioCen de Cuba. Durante a visita, a comitiva também conhece mais sobre o sistema de Saúde cubano, que é uma das bases da constituição do Sistema Único de Saúde (SUS) do Brasil.

A fábrica de medicamentos que funcionará em Vitória da Conquista, no distrito industrial dos Imborés, foi construída pelo Governo Municipal, por meio do convênio 263/2003 do Ministério da Saúde no valor total de R$ 4.674.306,74 milhões, sendo a contrapartida da Prefeitura no valor de R$ 367.430,67 mil. O convênio em vigência até o mês de agosto de 2012 prevê construção e compra de equipamentos para implantação do serviço.

A empresa atuará no desenvolvimento de pesquisas de fármacos e medicamentos de interesse para o SUS, em parceria com instituições de pesquisa públicas e privadas. Inicialmente, vai produzir medicamentos da atenção básica, como anti-hipertensivos e hipoglicemiantes, com o apoio técnico da Farmanguinhos/Fiocruz. A segunda etapa do projeto prevê a instalação de uma linha de produção de anticoncepcionais orais de baixa dosagem, para serem distribuídos na rede SUS. A implantação da nova fundação é uma das estratégias adotadas pelo governo da Bahia para fortalecer as áreas de assistência farmacêutica e de tecnologia em saúde, de acordo com suas necessidades e prioridades do SUS.

Sobre a Bahiafarma

A reabertura da empresa de produção pública de medicamentos, fechada em 1996 e extinta em 1999, traz a possibilidade de reinserir a Bahia no complexo industrial nacional da saúde atraindo para o estado novos investimentos e pessoal qualificado. A proposta da Sesab é que a Bahiafarma não seja apenas uma produtora de medicamentos, mas, principalmente, uma indutora do desenvolvimento humano e tecnológico na área farmacêutica para fortalecimento do SUS.

Sobre Carlos Augusto 9707 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).