Seagri realizou encontro de servidores com grande sucesso

Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.
Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.

Modernização e eficiência. Essas são as palavras chaves que nortearam o I Encontro da Seagri, que reuniu nesta segunda-feira mais de mil servidores da secretaria da Agricultura, (Seagri), e órgãos vinculados, (Adab, Ebda, Bahia Pesca, CDA, superintendências e coordenadorias), no Hotel Stella Maris. Conforme destacou o secretário Eduardo Salles, o objetivo desse encontro inédito foi debater com os funcionários as formas de tornar mais eficiente a gestão pública e a prestação de serviços à população, além de proporcionar a integração e o conhecimento da Família Seagri, que possui cerca de 6 mil funcionários.

O secretário destacou que “estamos estruturando a Seagri para o futuro, dando condições de trabalho aos servidores para que eles possam atuar melhor, refletindo na melhoria dos serviços prestados à população”. Com esse objetivo, a Seagri terá suas instalações modernizadas, com a remoção de divisórias e implantação do sistema open space e renovação da rede de computadores, além de sonorização. Também, conforme explicou a diretora geral da secretaria, Jucimara Rodrigues, será implantado o Sistema de Gestão Integrada de Informação, que vai reunir e consolidar todas as informações do Sistema Seagri, armazenando conhecimentos estratégicos e permitindo a tomada de decisões com maior rapidez. O projeto de modernização inclui ainda a capacitação dos servidores, através de cursos e treinamentos.

O encontro realizado nesta segunda-feira foi o primeiro passo nesse processo de busca da excelência da gestão pública, durante o qual os funcionários conheceram as ações desenvolvidas pela secretaria e pelos órgãos vinculados. Agora, eles vão encaminhar opiniões e sugestões, através de um canal aberto no site da Seagri, (www.seagri.ba.gov.br). O II Encontro da Seagri já foi marcado para abril de 2012, em Costa do Sauípe, com a participação de dois mil servidores.

O secretário Eduardo Salles afirmou que “queremos ter a Secretaria da Agricultura da Bahia com uma gestão pública que seja exemplo para o Brasil. Nosso objetivo é prestar serviços modernos e mais eficientes à população baiana. Primeiro, estamos buscando oferecer condições dignas de trabalho aos nossos funcionários, criando, por exemplo, departamentos de planejamento, execução e acompanhamento de projetos”. Salles explicou que está em vias de licitação um projeto de modernização para os três andares do prédio da Seagri, no Centro Administrativo da Bahia.

Gestão eficiente

Setor importante da economia do Estado, responsável por 24% do PIB, 30% dos empregos e 42% das exportações, a agropecuária precisava de organização e estruturação, ações desenvolvidas com sucesso nos últimos três anos.

Entre os processos de gestões implementados, a Seagri criou 20 câmaras setoriais de culturas consideradas prioritárias, e as mobilizou para elaborar o Planejamento Estratégico da Agropecuária Baiana para os próximos 20 anos, documento formatado por representantes dos elos destas cadeias.

Além disso, a Seagri sugeriu ao Ministério de Desenvolvimento Agrário a criação da DAP Offline, sistema semelhante à declaração do Imposto de Renda, que se tornou modelo nacional, permitindo a emissão, com rapidez e segurança, de DAPs, (Declaração de Aptidão ao Pronaf), que é a carteira de identidade do agricultor familiar. Outro avanço da Seagri, através da Adab, foi a implantação da Guia de Trânsito Animal, (GTA) eletrônica.

Outra inovação da secretaria foi a criação do Projeto Seagri Itinerante, já realizado em 24 micro-regiões do Estado. O projeto consiste em transferir todo gabinete da Seagri para uma região do Estado, durante três dias, período em que o secretário, diretores, coordenadores e superintendentes discutem com os produtores e agricultores os problemas que eles enfrentam, e as possíveis soluções, O objetivo do projeto é conhecer as dificuldades in loco e levar o governo para mais perto do agricultor.

O secretário Eduardo Salles lembrou que está em curso na Secretaria da Administração, Saeb, a reestruturação da EBDA com um projeto piloto de produtividade, e a implantação de plano de cargos e salários. A empresa já adquiriu 700 veículos novos e 1.500 computadores, e contratou cerca de mil técnicos pelo regime Reda, para prestar assistência técnica nos assentamentos e nos territórios de cidadania.

Outra mudança importante será a transformação da Coordenação de Desenvolvimento Agrário, CDA, em Instituto de Terras da Bahia.

Na abertura do encontro, o consultor Cesar Almeida ministrou palestra motivacional com o enfoque “Fazer o que gosta, gostar do que faz”, estimulando os servidores a superar sempre os desafios. Na seqüência, os superintendentes de Agricultura Familiar, de Política do Agronegócio, de Desenvolvimento da Agropecuária, e de Irrigação, respectivamente Wilson Dias, Jairo Vaz, Raimundo Sampaio e Marcelo Nunes, apresentaram os avanços e os desafios de suas pastas. O presidente da EBDA, Elionaldo Faro; o diretor geral da Adab, Paulo Emílio Torres; o presidente da Bahia Pesca, Isaac Albagli, e o coordenador da CDA, Luis Anselmo Pereira de Souza, demonstraram as ações dos respectivos órgãos.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 109916 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]