Reitor da UFRB, Paulo Gabriel Nacif, realiza Audiência Pública nesta quinta para falar sobre a criação de campus em Feira de Santana

Jornal Grande Bahia - Logomarca 2012 - 12
Jornal Grande Bahia - Logomarca 2012 - 12

“Investir em educação é o melhor meio para evitar grandes problemas da sociedade, como a violência e a falta de capacitação profissional para ingressar no mercado de trabalho”, ressalta Zé Neto 

Com o anúncio oficial da presidente da República, Dilma Roussef, no dia 16 de agosto deste ano, sobre a criação de uma extensão da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB), o reitor na entidade em Cruz das Almas, Paulo Gabriel Nacif, marcou uma Audiência Pública para apresentar a UFRB à comunidade feirense, bem como anunciar as últimas definições de como será a unidade em Feira. A Audiência acontecerá nesta quinta-feira (1º), às 09h, no Anfiteatro do Módulo II da Universidade Estadual de Feira de Santana (UEFS).

Segundo o reitor Paulo Nacif, o campus Feira tem previsão de contar, inicialmente, com 50 professores e dois mil alunos. O campus deve ser inaugurado até 2013. Paulo Nacif afirma que a extensão da UFRB visa ser uma unidade de apoio à UEFS formando uma parceria em cursos de graduação e pós-graduação. A UFRB Feira terá de cinco a dez cursos de graduação, complementando os cursos oferecidos pela UEFS.

“O campus Feira certamente terá impacto econômico e cultural positivo, além de ser uma oportunidade de inclusão social, considerando a abertura de mais vagas públicas, que é de grande importância para uma região metropolitana. Toda a sociedade tem muito que comemorar por tudo isso,” disse o reitor.

Sobre os cursos a serem oferecidos, Paulo Nacif afirma que a nova unidade deve seguir as áreas prioritárias determinadas pelo Governo Federal, que são saúde, energia e engenharias. Para o deputado estadual e líder do Governo, Zé Neto (PT), esta é uma excelente notícia, já que há um baixo número de profissionais qualificados principalmente na área da saúde aqui em Feira, e que com a formação de novos profissionais, o Hospital Estadual da Criança, o Hospital Geral Clériston Andrade, o Hospital Dom Pedro e Ancântara e os demais, serão grandemente beneficiados se houver mais cursos da área da saúde em Feira.

Zé Neto, que apoiou desde o início a vinda da nova universidade, acredita que com o novo campus, a cidade nunca mais será a mesma. “Investir em educação é o melhor meio para evitar grandes problemas da sociedade, como a violência e a falta de capacitação profissional para ingressar no mercado de trabalho”, ressalta.

O reitor da UEFS também se pronunciou a respeito, aprovando a vinda do campus e declarou que a UEFS manterá o espírito de parceria, e não de competição. “O nosso objetivo é um só: Ampliar a oportunidade de educação e colaborar com quem partilha do mesmo ideal”, afirma.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 109955 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]