IBGE aponta crescimento de alfabetizados em Santo Estêvão

ibge-aponta-crescimento-de-alfabetizados-em-santo-estevaoO número de alfabetizados residentes no município de Santo Estêvão saltou de 23.313, em 2000, para 34.393 em 2010, conforme dados do Censo Demográfico 2010 do Instituto Brasileiro e Geografia e Estatística (IBGE). Os índices referentes a população e domicílios, indicadores sociais municipais básicos e Cadastro Nacional de Endereços para Fins Estatísticos foram divulgados na última semana pelo IBGE.

O Censo apontou uma população residente de 47.880 pessoas no município de Santo Estêvão. As mulheres são a maioria: 24.974, enquanto a população masculina é de 22.906.

De acordo com os dados, as mulheres também são a maioria entre a população alfabetizada: 18.167, enquanto os homens alfabetizados somam 16.226.A proporcionalidade referente à população alfabetizada também é constatada entre as pessoas que residem na zona urbana e na zona rural do município.

Conforme o Censo 2010, a população urbana é de 27.690, enquanto a população rural soma 20.190. Dentre as pessoas que residem na zona urbana, 21.248 são alfabetizadas, enquanto na zona rural o número de alfabetizados é de 13.145.

O Censo aponta ainda que em 2009 foram realizadas 9.680 matrículas para o Ensino Fundamental e 1.946 para o Ensino Médio. Os números também mostram que 378 professores atuavam no Ensino Fundamental em 2009 e 102 no Ensino Médio.

INVESTIMENTOS 

Os investimentos na educação no município refletem diretamente na evolução dos dados apresentados pelo IBGE. Em menos de três anos, o Governo Municipal executou a reforma e ampliação de 15 unidades de ensino da sede e zona rural, além da construção de uma nova escola no Sítio do Aragão. Na sede do município será erguido o Centro de Educação Infantil, que atenderá a 450 alunos, com uma estrutura composta por seis salas de aula, biblioteca, área para recreação, brinquedoteca, refeitório, centro de informática e auditório.

A valorização dos professores tem sido uma bandeira defendida pelo Governo Municipal. Nos últimos três anos, o aumento real de salário dos docentes já é de 15%, percentual acima da inflação. Um total de 27 unidades escolares do município já possui sistema de informatização, através do programa Proinfo. São 19 unidades contempladas na zona rural e oito na sede do município.

O transporte escolar também foi melhorado nos últimos três anos. 105 veículos transportam diariamente 4.084 alunos de 41 unidades da rede municipal. Sete ônibus do Programa Caminho da Escola, destinado a alunos com necessidades especiais, também fazem parte da frota.

Prefeito destaca relação do Poder Executivo com a sociedade 

Alunos da 7ª série da Escola Municipal Professora Maria Irene Santiago entrevistaram o prefeito de Santo Estêvão, Rogério Costa, na manhã desta quinta-feira (24). A atividade fez parte do projeto Historiando Santo Estêvão e contou com a participação de 41 estudantes da turma.

Dentre várias perguntas feitas pelos alunos, o prefeito destacou a aproximação do Poder Executivo com a sociedade como o maior resultado alcançado nesses três anos de governo. “A partir disso, pudemos traçar políticas públicas ao alcance de todos. Fizemos o PPA Participativo com onze audiências públicas, conferências de saúde, educação, juventude, idoso, ou seja, ouvimos a sociedade sobre o que eles precisam e o que eles pensam para o município”.

Na oportunidade o prefeito também destacou os investimentos em todos os setores da Administração Pública, mas chamou a atenção para a área social, saúde e educação. “O Governo tem que estar voltado para o interesse da sociedade. Tudo para que a gente possa viver em uma cidade cada vez melhor”, salientou Rogério.

Uma das informações recebidas com mais entusiasmo pelos alunos foi a execução do projeto de saneamento básico para o município. “O PAC II prevê investimentos de R$ 17 milhões para o saneamento básico em Santo Estêvão. O projeto já está pronto para ser executado junto a FUNASA e dependemos apenas da licença ambiental. Saindo a licença podemos iniciar ainda este ano”, declarou Rogério.

O prefeito também lembrou as melhorias que estão sendo executadas na Escola Maria Irene Santiago. “Melhoramos a parte da acústica da unidade, já licitamos a cobertura da quadra, e demais serviços de reforma como já executamos em outras 15 escolas do município”. Para a professora de História, Fabíola Rocha, a entrevista foi bastante proveitosa. “Contemplou inteiramente o nosso objetivo que era apresentar aos alunos a realidade administrativa e política do nosso município”, avaliou.

Sobre Carlos Augusto 9719 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).