Em Rio Real, pesquisadores da Embrapa de Cruz das Almas ministram palestras sobre citricultura

Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.
Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.

Quatro pesquisadores da Embrapa Mandioca e Fruticultura (Cruz das Almas – BA), unidade da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), vinculada ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, vão participar de 8 a 11 de novembro de 2011, da programação científica do V Encontro da Citricultura Sergipe e Bahia e da I Semana da Citricultura Baiana, que serão realizados em Rio Real.

Com o tema “Promovendo a produtividade com qualidade”, o evento organizado pela Agronordeste Comercial e pela Prefeitura Municipal de Rio Real tem como objetivos difundir os conhecimentos tecnológicos da cultura e discutir questões relativas às ameaças fitossanitárias e às perspectivas do setor. No ano passado, o evento ocorreu em Boquim (SE). Ministram palestras os pesquisadores Walter dos Santos Soares Filho (“Porta-enxertos indicados para a citricultura da Bahia e Sergipe”), Eduardo Augusto Girardi (“Clorose Variegada de Citros – CVC e Huanglongbing – HLB: perigos reais para a citricultura de Bahia e Sergipe”), Hermes Peixoto Santos Filho (“Experiência no controle da estrelinha em pomares cítricos da Bahia”) e José Eduardo Borges de Carvalho (“Aumento da produtividade com base em boas práticas agrícolas na citricultura”).

Nos últimos meses, Embrapa e parceiros atualizaram o sistema de produção de citros para a região Nordeste do Brasil. “Este documento terá importante impacto para a citricultura nordestina, naturalmente com os devidos ajustes, relativamente às peculiaridades de cada região produtora”, diz Walter Soares, líder da Equipe Citros da Embrapa e coordenador da discussão. A Embrapa Mandioca e Fruticultura vai aproveitar a oportunidade para divulgar o I Dia do Viveirista de Citros, que vai acontecer em 24 de novembro de 2011, em Cruz das Almas com a finalidade de atualizar os conhecimentos teóricos e práticos sobre a propagação de mudas.

Com uma área estimada de citros em torno de 82 mil hectares, a Bahia ocupa a segunda posição entre os estados brasileiros, ficando atrás de São Paulo. O município de Rio Real tem, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), cerca de 28 mil hectares plantados com citros.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 111074 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]