Cinema baiano se destaca com quatro longas em cartaz

Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.
Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.

Ampliar a parceria entre os produtores de cinema e o Governo do Estado e aproveitar o potencial da sétima arte para divulgar a Bahia pelas telas do mundo. Este foi o assunto da reunião entre o governador Jaques Wagner e representantes da Associação dos Produtores e Cineastas da Bahia, nesta terça-feira (09/11/2011), na Governadoria, onde foram apresentadas as principais dificuldades e as últimas produções do segmento no estado, que, atualmente, conta com quatro longas metragens em cartaz.

João Rodrigo Mattos, diretor do filme O Trampolim do Forte, rodado inteiramente no Porto da Barra, ficou satisfeito com a reunião. “A praia da Barra foi eleita uma das mais belas do mundo. Esta é uma oportunidade também para o turismo. A partir desta reunião, o governador ficou mais consciente do momento pelo qual passa o cinema brasileiro produzido na Bahia”.

Para o secretário da Cultura, Albino Rubim, é importante que os cineastas baianos, que estão com vários filmes em cartaz e outros prontos para serem lançados, tenham a oportunidade de discutir e fazer suas propostas. “O Estado tem essa sensibilidade, de receber o pessoal do cinema e discutir com eles como o governo pode atuar nesta área”.

Atualmente, estão em cartaz os longas Bahia, Minha Vida, do diretor Márcio Cavalcante, Filhos de João, de Henrique Dantas, Jardim das Folhas Sagradas, de Póla Ribeiro, e Capitães da Areia, de Cecília Amado. De 2007 até agora, o Governo do Estado já investiu cerca de R$ 20 milhões em audiovisuais, por meio de editais públicos. Nos últimos quatro anos, somente em longas metragens, o Estado já investiu R$ 6 milhões.

*Com informações: : Secom BA

Redação do Jornal Grande Bahia
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 108248 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]