A UEFS promove o 1º seminário de Avaliação das Ações Afirmativas durante os dias 28 a 30 de novembro

Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.
Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.

A Universidade Estadual de Feira de Santana promove, de 28 a 30 de novembro de 2011, o 1º Seminário de Avaliação das Ações Afirmativas da Uefs. Dentre outros objetivos, o evento vai debater o sistema de cotas adotado pela instituição em 2007 e a política de permanência destinada aos grupos atendidos pela reserva de vagas. Neste sentido, os participantes vão propor adequações às novas exigências identificadas no sistema.

Na conferência de abertura, dia 28, às 18h30, no Anfiteatro, o professor doutor Wilson Roberto de Mattos, diretor do Centro de Estudos dos Povos Afro-Índio-Americanos (Cepaia/Uneb), vai abordar o tema “As políticas de ações afirmativas no Brasil: limites e perspectivas”. Na sequência, dias 29 e 30, serão realizadas mesas-redondas e grupos de trabalhos. Confirmaram presença representantes de entidades como a Funai, Secretaria de Promoção da Igualdade da Bahia (Sepromi) e Assembleia Legislativa do Estado.

O Seminário é aberto às comunidades interna e externa. A inscrição pode ser realizada até o dia de abertura do evento no site www.uefs.br/eventos. A programação também pode ser conferida na internet.

A Política de Ações Afirmativas da Uefs começou a ser debatida em 2003 a partir de ações do movimento social negro. Após a constatação, pela Uefs, da notória sub-representação de afro-brasileiros estudantes egressos de escolas públicas, o Conselho Superior Universitário (Consu) aprovou, em outubro de 2004, a adoção de políticas de ações afirmativas para grupos historicamente excluídos/subalternizados.

A partir do processo seletivo 2007.1, foram estabelecidas cotas de 50% das vagas dos cursos de graduação para estudantes egressos da rede pública. Destas, 80% são destinadas para os autodeclarados negros (pretos e pardos) e mais duas vagas, em cada curso, para indígenas e/ou quilombolas. Dentre as ações da política de permanência, a Uefs adotou medidas como a ampliação da residência universitária e a implantação da residência indígena.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 120546 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.