Deputado Paulo Azi pede explicação sobre empréstimo U$ 700 milhões

Paulo Azi: "Se já não bastasse a visível baixa ocupação da rede hoteleira, o resultado da movimentação de passageiros no aeroporto de Salvador, em 2012, confirma a ideia de que o turismo baiano está a passo de caranguejo. Só anda pra trás”
Paulo Azi: "Se já não bastasse a visível baixa ocupação da rede hoteleira, o resultado da movimentação de passageiros no aeroporto de Salvador, em 2012, confirma a ideia de que o turismo baiano está a passo de caranguejo. Só anda pra trás”

A bancada de oposição da Assembleia Legislativa da Bahia foi surpreendida com o anúncio de um novo pedido de empréstimo, dessa vez de U$ 700 milhões, a ser encaminhado em breve pelo Executivo para que seja aprovado pela Casa. O anúncio foi feito pelo secretário da Fazenda, Carlos Martins, durante a audiência pública de avaliação das contas do governo até o segundo quadrimestre de 2011, realizada nesta segunda-feira, (04/10/2011), na Comissão de Constituição e Justiça – CCJ.

Carlos Martins revelou a nova operação de crédito ao responder questionamentos do deputado Paulo Azi (DEM) sobre a aplicação do empréstimo de R$ 1 bilhão aprovados recentemente pela AL. Em seu pronunciamento, o deputado Paulo Azi voltou a condenar a “pouca importância” dispensada pelo governo Wagner à Casa Legislativa, atribuída por ele ao fato de o governo contar com ampla maioria de votos. Azi disse que o Executivo não se deu ao trabalho de informar à Casa como seriam aplicados os recursos obtidos com o empréstimo de R$ 1 bi, mesmo sendo o maior já solicitado em todos os tempos.

“Um governo que se diz democrático não pode desrespeitar sua Casa Legislativa”, enfatizou o democrata, alertando que o Estado continua se endividando sob o pretexto de possuir capacidade para novas operações. “No primeiro mandato, Wagner endividou o estado em R$ 3 bilhões, mas continua com sérias dificuldades de pagamento”, disse Azi, lembrando que o governo pediu autorização para prorrogar a dívida de R$ 400 milhões com a União. Em tom de brincadeira, o secretário sugeriu ao deputado Azi que se acostumasse com a ideia porque o governo já preparava projeto solicitando mais U$ 700 milhões.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 111141 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]