O vereador Ailton Mô do PSDB cobra mais segurança pública para o município de Feira de Santana

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.
Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.

O vereador Ailton Araújo Rios,Ailton Mô (PSDB), na sessão legislativa desta segunda-feira (03/10/2011), segundo ele, atendendo às reivindicações de cidadãos feirenses, solicitou do Governo do Estado que os módulos policiais fossem reativados no município de Feira de Santana, para que haja mais eficiência nas ações de segurança pública.

O legislador disse que a cidade não pode permanecer com alto índice de violência. “A semana passada, nós vimos uma situação constrangedora. A Secretaria Municipal de Saúde foi assaltada e, neste final de semana, foram oito assassinatos em Feira de Santana, a coisa tem se banalizado”, protestou, cobrando mais investimentos para o setor de segurança pública.

“É preciso que o governador do Estado tenha responsabilidade, tenha respeito por Feira de Santana, dê mais atenção a esta cidade, invista mais um pouco na segurança pública, porque aqui tem homens honrados que querem desenvolver ações no município, mas estão amarrados, porque o Governo do Estado não dá condições de trabalho”, reclamou.

Ele argumentou que recentemente foi criado, em Feira de Santana, um Núcleo de Investigação de Homicídios, mas, segundo Mô, esse núcleo corre risco de acabar, porque não há contingente policial para trabalhar e, os poucos que lá trabalham não estão recebendo pagamento das horas extras. “É preciso que o povo vá às ruas, é preciso que esta Casa se manifeste, de uma forma mais incisiva, para que o governador possa ter mais respeito por Feira de Santana”, conclamou.

*Com informações: Site da Câmara Municipal de Feira de Santana

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 113540 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]