Ministério do Desenvolvimento Agrário participa da feira Dias Internacionais das Florestas na Alemanha entre os dias 6 a 9 de outubro

Publicidade

Banner da Gujão: Campanha com o tema ‘Tudo fresquinho é melhor’, veiculada em 3 de junho de 2022.
Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.
Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.

Divulgar o conjunto de ações de apoio ao desenvolvimento de cadeias produtivas da sociobiodiversidade com geração de renda a povos, comunidades tradicionais e agricultores familiares, sobretudo das regiões de floresta no Brasil. Este é o objetivo da participação de representantes do governo brasileiro na feira “Dias Internacionais das Florestas” (Internationale Bonner Waldtage 2011), que será realizada de 6 a 9 de outubro em Bonn, na Alemanha. O evento faz parte do calendário comemorativo ao Ano Internacional das Florestas (2011).

Convidado pelo governo alemão, o Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA) vai estar presente em um estande apresentado em parceria com o Ministério do Meio Ambiente (MMA), que é parceiro na execução do Plano Nacional das Cadeias da Sociobiodiversidade (PNPSB). No estande, o público terá acesso a informações a respeito do PNPSB, ação do qual o MDA ocupa função de Secretaria Executiva e que reúne, além dos dois Ministérios, a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) e o Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS).

Os conteúdos (imagens dos biomas brasileiros, de seus produtos e demais informações) serão apresentados por meio de uma mesa multimídia (com tecnologia touch screen) e pela distribuição de material informativo que inclui catálogo de endereços de empreendimentos da sociobodiversidade.

Bonn, antiga capital da então Alemanha Ocidental, é sede de importantes organizações da Organização das Nações Unidas (ONU) nos temas de meio ambiente e desenvolvimento sustentável, como a Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre a Mudança do Clima (UNFCCC) e a Convenção das Nações Unidas de Combate à Desertificação (UNCCD). A cidade também é sede de uma conferência internacional sobre “Contribuições das Florestas para a Economia Verde”, realizada entre os dias 4 a 7 de outubro. O evento é considerado preparatório para a Rio+20, que será realizada no Brasil em 2012, e fator motivador de outros eventos, como a feira “Dias Internacionais das Florestas”.

Sob o tema “Florestas para os Povos”, o evento irá reunir associações, empresas, ONGs e expositores internacionais, convidados para apresentar experiências que demonstram a importância e as funções das florestas para a conservação da natureza e proteção do clima e sua contribuição para o bem-estar das pessoas. Também serão apresentados produtos derivados das florestas e sua relevância para a alimentação.

“O apoio às cadeias produtivas sustentáveis e as práticas tradicionais de produção utilizadas pelos povos, comunidades tradicionais e agricultores familiares que vivem do uso sustentável da floresta vêm de encontro com o objetivo da Feira”, observa Matheus Zanella, consultor técnico da Assessoria Internacional do MDA. Zanella destaca que a participação do MDA e do MMA contribui para difundir o conceito de sociobiodiversidade brasileira – traduzido por bens e serviços que promovem a manutenção e a valorização das práticas e saberes dos povos, comunidades tradicionais e agricultores familiares. O consultor afirma que este propósito é reforçado pela mostra de produtos e de empreendimentos cujo produto é fruto desta sociobiodiversidade. “Esperamos aguçar a curiosidade do público e encurtar caminhos entre potenciais consumidores dos produtos da sociobiodiversidade brasileira”, afirma Zanella, lembrando que o MDA já acumula participações em feiras internacionais, inclusive na Europa, como na Biofach, cuja participação acontece desde 2003.

Entre os expositores da Feira estão organizações institucionais (Ministério da Agricultura alemão, Agência de Proteção das Florestas da Alemanha, associações de produtores proprietários de florestas, associações ecológicas e de proteção à natureza), certificadoras de madeira e outros produtos florestais (PEFC, FSC), institutos de pesquisa em temas florestais, empresas e associações de turismo e que comercializam produtos florestais, entre outros. Entre os expositores internacionais, além do Brasil, estão de Burkina Faso, Camarões, Laos, Nepal, Equador, Turquia, Peru, Marrocos e Líbano, além de um estande institucional da FAO.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 121747 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.