Governador Jaques Wagner e deputado Zé Neto agem com proselitismo ao prometerem conclusão do Centro de Convenções de Feira de Santana

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Registro da construção abandonada do Centro de Convenções de Feira de Santana realizado em 24 de outro de 2011.
Registro da construção abandonada do Centro de Convenções de Feira de Santana realizado em 24 de outro de 2011. Ao custo de R$ 12 milhões, a MRM é contratada pelo Governo da Bahia para concluir a construção.

Na tarde de hoje (24/10/2011), a equipe do Jornal Grande Bahia (JGB) esteve visitando as instalações do que seria o Centro de Convenções de Feira de Santana. Obra iniciada no último ano do Governo de Paulo Souto e abandonada durante a gestão de Jaques Wagner.

Durante a visita, foi verificado o estado de abandono do local. Três pessoas utilizando um carrinho de mão estavam na área do terreno e quando avistaram a equipe do JGB pularam o muro.

O local, sem segurança, o fétido odor de excrementos humanos é o claro sinal de abandono do patrimônio público. As poucas edificações que existem datam do governo Paulo Souto.

Wagner o pródigo

Jaques Wagner fez sua parte, em um ato de prodígio intelectual, soube colocar na frente do prédio abandonado um outdoor com propaganda do governo do estado. É trágico e triste. O Centro de Convenções é a essência do despreparo e desrespeito do Governo Wagner para com os feirenses.

Zé Neto

Em Feira de Santana, o representante maior de Wagner, deputado estadual José Santana de Cerqueira Neto (Zé Neto, PT), depois de infindáveis promessas de retomada das obras, além de atribuir a responsabilidade ao governo passado, do opositor Paulo Souto (DEM), mais uma vez se comprometeu com a conclusão da construção do Centro de Convenções de Feira de Santana.

O JGB resgatou uma matéria de 31 de agosto de 2007, onde o deputado Zé Neto promete ao empresariado a conclusão do equipamento. Quatro anos após, a única coisa que foi acrescentada a obra foram os excrementos humanos.

Neste contexto, emerge um questionamentos: é ´possível acreditar em mais uma promessa do deputado Zé Neto e do Governo Wagner?

Plasmados com o proselitismo, a promessa não cumprida de conclusão do Centro de Convenções transformam em incautos os munícipes de Feira de Santana.

Governo da Baixa abandona obras do Centro de Convenções de Feira de Santana.
Governo da Baixa abandona obras do Centro de Convenções de Feira de Santana.
Três pessoas utilizando um carrinho de mão estavam na área das obras abandonadas do Centro de Convenções de Feira de Santana e quando avistaram e equipe do JGB pularam o muro.
Três pessoas utilizando um carrinho de mão estavam na área das obras abandonadas do Centro de Convenções de Feira de Santana e quando avistaram e equipe do JGB pularam o muro.
Jaques Wagner fez sua parte, em um ato de prodígio intelectual, soube colocar na frente do prédio um outdoor com propaganda do governo do estado. É trágico e triste.
Jaques Wagner fez sua parte, em um ato de prodígio intelectual, soube colocar na frente do prédio um outdoor com propaganda do governo do estado. É trágico e triste.
Jornal Feira Negócios denuncia promessas não cumpridas do Governo Wagner, em relação ao Aeroporto João Durval e Centro de Convenções de Feira de Santana.
Jornal Feira Negócios denuncia promessas não cumpridas do Governo Wagner, em relação ao Aeroporto João Durval e Centro de Convenções de Feira de Santana.

Leia +

Deputada Graça Pimenta cobra investimentos do Estado em Feira de Santana e critica descaso com o Centro de Convenções

Ao completar dois anos, Wagner presenteia Feira de Santana com a manutenção da paralisação das obras do Centro de Convenções

Feira de Santana: SUCAB e CONDER visitam obras do Amélio Amorim, Igreja Senhor dos Passos, Ayrton Sena e avaliam Centro de Convenções

Em entrevista, deputado Zé Neto fala sobre indicação de Beldes, baixa qualidade do ensino médio e crise na expansão industrial de Feira

Deputado José Neto articula ações do governo em Feira de Santana

Deputado Zé Neto atribui à falta de ação do governo em Feira de Santana, como consequência do ajuste fiscal adotado no país

Sobre Carlos Augusto 9652 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).