Deputado estadual Bira Corôa defende reitor da UFRB, Paulo Gabriel Nacif

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.
Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.

O deputado estadual Bira Corôa (PT-BA) defendeu o reitor da UFRB (Universidade Federal do Recôncavo Baiano), Paulo Gabriel Nacif, contra a acusação de ter dado declarações racistas na instituição. “É, no mínimo, uma interpretação leviana de sua fala. Conheço a trajetória do reitor Paulo Gabriel a favor de políticas inclusivas da população negra, sobretudo no território do Recôncavo”, afirmou o parlamentar, que preside a Comissão de Promoção da Igualdade no Legislativo estadual.

O parlamentar citou levantamento do jornal O Estado de São Paulo, com base em dados da ANDIFES (Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Nacionais de Ensino Superior), em que a UFRB se destaca, entre as novas instituições criadas, como a que possui o maior percentual de estudantes de baixa renda. “A UFRB é uma das universidades federais mais inclusivas do Brasil com o reitor Paulo Gabriel à frente. Juntamente com a UFBA, a Universidade do Recôncavo é a que mais intensificou a política de reserva de vagas para alunos negros provenientes da rede pública de ensino”, afirmou Bira Corôa.

A história da UFRB e a expansão do ensino superior federal na Bahia, com o anúncio de mais nove institutos federais (IFETs) e a criação das universidades do Oeste e do Sul, também foram destacadas pelo parlamentar. “Solidarizo-me com o reitor. A UFRB e Paulo Gabriel são sinônimos da luta pelas políticas afirmativas, de reparação e da inclusão social”, disse. O reitor divulgou nota oficial em que lamenta o episódio, apontando que suas colocações foram descontextualizadas a partir de vídeo editado.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 113729 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]