Deputada Graça Pimenta volta a criticar a manutenção da rodovia BR-324, que após o período de chuvas, passou a contar com inúmeros buracos

deputada-graca-pimenta-volta-a-criticar-a-manutencao-da-rodovia-br-324-que-apos-o-periodo-de-chuvas-passou-a-contar-com-inumeros-buracos
deputada-graca-pimenta-volta-a-criticar-a-manutencao-da-rodovia-br-324-que-apos-o-periodo-de-chuvas-passou-a-contar-com-inumeros-buracos
deputada-graca-pimenta-volta-a-criticar-a-manutencao-da-rodovia-br-324-que-apos-o-periodo-de-chuvas-passou-a-contar-com-inumeros-buracos
deputada-graca-pimenta-volta-a-criticar-a-manutencao-da-rodovia-br-324-que-apos-o-periodo-de-chuvas-passou-a-contar-com-inumeros-buracos

Mais um protesto dos moradores de uma localidade próxima a BR-324 acontece na manhã desta segunda-feira (24/10/211) para reivindicar a cobrança de pedágio na rodovia. A deputada estadual Graça Pimenta (PR) volta a criticar as condições de tráfego na BR-324 e as obras realizadas pela concessionária responsável e empresas terceirizadas.

“Cobrar pedágios numa rodovia que não oferece boas condições de tráfego é um absurdo! Durante o período de chuvas, a quantidade de buracos aumenta causando problemas para os condutores. Além disso, congestionamentos têm acontecido com frequência por conta de obras realizadas em horários de fluxo intenso de carros. É preciso oferecer manutenção de qualidade na pista, em horários adequados, para que os motoristas trafeguem com segurança e tranquilidade”, declara a parlamentar.

De acordo com Graça Pimenta, “o que se vê na BR-324 são buracos no acostamento e na rodovia, desnivelamento da pista, pavimentação de má qualidade, passarelas sem cobertura e falta de mureta de proteção no canteiro central”. Com as duas praças de pedágio instaladas no local, os condutores de automóveis que vão de Feira de Santana para Salvador, por exemplo, gastam R$ 6,40 para ir e voltar.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 111058 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]