Busca pelo turismo na Europa ameniza efeitos da crise econômica internacional, diz OMT

Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.
Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.

O crescimento do turismo na Europa está contribuindo para atenuar os efeitos da crise econômica no continente, principalmente nos países mais afetados, como a Grécia, Espanha, Itália e Portugal. A conclusão é da diretora de Comunicação da Organização Mundial do Turismo (OMT), Sandra Carvão. “Em vários países europeus, é o consumo externo, dos turistas, que ajuda a compensar a falta de demanda interna, provocada pela crise”, destacou.

A contribuição da atividade turística para o desenvolvimento econômico é o tema da reunião hoje (25/10/2011), em Paris, de ministros do Turismo do G20 (que reúne as 20 maiores economias do mundo, inclusive o Brasil). “O turismo internacional funciona como uma atividade de exportação, permitindo a entrada rápida de divisas, e ajuda a atenuar os déficits da balança de pagamentos”, disse a diretora.

A porta-voz da OMT lembrou que o turismo exerce um papel fundamental na economia de vários países europeus. Na França – país mais visitado do mundo, segundo a OMT –, a atividade representa de 6% a 7% do Produto Interno Bruto (PIB), o equivalente ao produzido pela indústria automobilística.

Em Portugal, o turismo totaliza 11% do PIB. Na Grécia, ele representa 16% e é um setor estratégico para uma economia em agonia. Por esse motivo, o governo grego declarou que aposta na atividade este ano para tentar tirar o país da recessão. Segundo dados da OMT divulgados este mês, o turismo na Grécia cresceu 13,9% nos primeiros oito meses de 2011, na comparação com o mesmo período do ano passado.

Na Espanha, quarto país mais visitado do mundo, o fluxo de turistas estrangeiros já cresceu 7,8% em 2011. Em agosto, alta temporada de verão, o aumento no número de visitantes chegou a 9,4%.

Em Portugal, outro país fortemente afetado pela crise na Europa, o número de turistas internacionais cresceu 11,2%. Na Itália, o aumento chegou a 5,8%.

Na Europa em geral, o número de turistas aumentou 6% este ano, segundo a OMT. A América do Sul foi a região onde o turismo mais cresceu, ao registrar aumento de 13,2%.

De acordo com a OMT, 80% dos turistas que visitam países europeus são originários do próprio continente. Os emergentes têm uma participação no crescimento do turismo na Europa, mas a proporção desses visitantes no fluxo de entrada é bem mais limitada do que a dos europeus.

Os turistas de países emergentes, no entanto, não medem gastos nas viagens e se tornaram uma clientela-alvo do setor em países como a França.

Para estimular o turismo, o governo francês começou a implantar este ano um sistema a fim de melhorar as informações aos estrangeiros nos aeroportos e em meios de transportes e também para agilizar a passagem nas fronteiras. Segundo a porta-voz da OMT, as limitações em termos de orçamento público na Europa podem levar os governos a rever estratégias de promoção do turismo no exterior.

*Com informações: Agência Brasil

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 116540 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.