Reforma da Praça Duque de Caxias. Confira as notícias da Prefeitura de Feira de Santana

Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.
Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.

Os serviços de recuperação da Praça Duque de Caxias, situada no cruzamento da rua Senador Quintino com a avenida Senhor dos Passos, bairro Olhos D’ Água, continuam em ritmo acelerado. Atualmente os operários concentram os trabalhos na área onde será construído o quiosque, bancos e mesas de concreto. As pedras portuguesas já foram totalmente retiradas do local onde será erguido o parque infantil, que fará a alegria da criançada do bairro.

Segundo o encarregado da obra, Agostinho da Silva, a limpeza geral do espaço já foi realizada. “Todo o material que precisamos chegou e vamos começar a agilizar ainda mais os serviços de recuperação”, assegura. Os moradores e comerciantes do bairro, além de freqüentadores, comemoram as obras de reurbanização da praça.

Para José Carlos Souza, a recuperação da praça irá proporcionar um novo espaço para o lazer. “Todos os dias nos reunimos para bater um papo e jogar dominó com os amigos. Sei que a praça vai ficar muita linda”, prever.

O taxista Geraldo Cândido conta que está muito feliz com a recuperação. “É maravilhoso fazer parte da história desta praça. Fui eu que comecei a plantar as primeiras árvores do local. Fico agradecido pelo prefeito ter olhado para nossa praça e tantas outras da cidade que já foram recuperadas”, ressalta.

Para a moradora Maria de Lurdes, a melhoria na iluminação vai garantir a segurança de moradores e transeuntes. “Com a nova iluminação as pessoas que frequentam o equipamento terá maior visibilidade e estará mais segura e tranquila durante a noite”, diz.

As obras estão sendo executadas pela Secretaria Municipal de Serviços Públicos, através do Departamento de Parques e Jardins. A reforma do equipamento público é resultado de uma parceria entre a Prefeitura e a Lojas Maia/Magazine Luiza.

Novas melhorias para professores em análise

A Prefeitura de Feira de Santana, através das secretarias municipais da Fazenda e Educação, vai verificar o impacto do reajuste salarial de até 10% na folha de pagamento para os professores da rede municipal de ensino, além da gratificação por curso. Como o reajuste de 5,9% não foi aceito, o Governo Municipal sugeriu o aumento de 8%, sendo 4% no próximo mês e o restante em maio de 2012, ou de 10% por regência de classe.

O único ponto que estaria pendente na pauta de solicitações da categoria, conforme o chefe de gabinete do prefeito Tarcízio Pimenta, Milton Britto, é a proposta de gratificação por curso. “Para cursos de formação mínima de 80 horas eles sugerem um aumento de 5%, de 120 horas 10% e para cursos de 240 horas um aumento de 15%”, informa.

As solicitações foram discutidas entre dirigentes da APLB Sindicato e o chefe de gabinete do prefeito, na manhã desta segunda-feira (22), no Paço Municipal Maria Quitéria. Segundo Britto, é importante rever as propostas mantendo contato com a Secretaria Municipal da Fazenda para compatibilizar o que pode ser feito.

“Os primeiros estudos já foram feitos e se encontram com o secretário municipal de Educação, José Raimundo de Azevedo. Agendamos uma audiência entre a categoria e o prefeito para esta semana, para que eles acabem com a greve, pois os maiores prejudicados são os alunos”, declara Britto.

Recentemente o Governo Municipal criou as mudanças de referência G e H para mestrado e doutorado, aumento de função e gratificação para diretor e vice-diretor. Além disso, foram concedidas 258 mudanças de referência para os docentes no mês passado.

Unidades de Saúde da Família regularizadas

Já está regularizada a situação das duas Unidades de Saúde da Família (USF) que tiveram os incentivos financeiros suspensos pelo Ministério da Saúde no mês de julho. A suspensão foi causada devido à duplicidade no cadastro de dois profissionais – uma médica e um odontólogo – no Sistema de Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde (SCNES).

De acordo com a diretora de Gestão da Rede Própria da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), Gilberte Lucas, a médica e o odontólogo se cadastraram em USFs pertencentes a outros municípios enquanto gozavam de licença maternidade e férias, respectivamente. “Eles não informaram sobre os seus desligamentos a SMS. Por isso, não tiveram os cadastros excluídos do sistema”, explica.

Gilberte Lucas informa ainda que o Município já recorreu junto ao Ministério da Saúde, comprovando que os dois profissionais foram desligados e substituídos, para assim receber os recursos suspensos no mês anterior. Ela observa que quando há duplicidade no SCNES, a transferência de incentivos financeiros é suspensa para toda a equipe que atua na USF na qual o profissional está vinculado.

“Os recursos foram cortados para duas equipes de Saúde da Família (ESF), duas equipes de Saúde Bucal e 18 equipes de Agentes Comunitários de Saúde”, esclarece, acrescentando que “mesmo com a suspensão dos incentivos financeiros, os profissionais receberam os salários normalmente”.

O SCNES é base para operacionalizar os Sistemas de Informações em Saúde e proporciona ao gestor conhecer a rede assistencial existente e sua potencialidade, imprescindíveis nos processos de planejamento em saúde, regulação, avaliação, controle e auditoria.

As informações lançadas no SCNES são de responsabilidades das secretarias de saúde de cada município. Em Feira de Santana, técnicos da Coordenação da Atenção Básica são responsáveis por realizar atualizações mensais no sistema.

Instalação de alambrado em campo de futebol

O campo de futebol da Associação Desportiva Amigos do Nacional (ADAN), Bahia e Cruzeiro, situado no bairro Brasília, será contemplado com a colocação de alambrado a partir desta segunda-feira (22). A obra foi lançada pelo prefeito Tarcízio Pimenta nesta manhã e será concluída dentro de 45 dias.

Segundo o secretário municipal de Desenvolvimento Urbano, José Pinheiro, o alambrado de quatro metros de altura será colocado em duas laterais do campo, acima de uma mureta de dois metros. Toda a estrutura vai receber muro e, ao todo, serão 162 metros de alambrado no equipamento.

Um dos diretores da ADAN, Roque Ribeiro, diz que a iniciativa vai beneficiar tanto os jogadores quantos os moradores locais. “Muitos deles reclamavam porque a bola caia nas casas e quebrava as telhas e vidros. Quando tem jogo aqui, o campo fica lotado por moradores do Jomafa, Tomba, Brasília, Capuchinhos e Aviário”, conta.

A obra será realizada pela Construtora Vasco Marinho Ltda. e está orçada no valor de R$ 81.114,00. Nesta terça-feira (23) a Prefeitura de Feira de Santana dará início à recuperação da quadra de esportes do distrito de Humildes, também lançado pelo Governo Municipal no pacote de obras.

Os vereadores Antônio Carlos Passos de Ataíde e Ailton Araújo também estiveram presentes no lançamento da obra, além do secretário de Comunicação Social, Fabrício Almeida.

SMS disponibiliza aparelhos auditivos

Pessoas com deficiência auditiva podem adquirir gratuitamente um Aparelho de Amplificação Sonora Individual (AASI) em Feira de Santana. A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) disponibiliza mensalmente 111 unidades do aparelho, através da clínica Otorrinos (credenciada ao Sistema Único de Saúde). No período de junho de 2010 a maio deste ano, 1.334 pacientes foram contemplados com um dos modelos de AASI.

De acordo com a diretora de Gestão da Rede Própria, Gilberte Lucas, para ser beneficiado com o aparelho auditivo, o paciente deve, inicialmente, ser referenciado pela unidade de saúde do seu bairro. “O clínico da unidade solicitará a consulta com o otorrino e ela será agendada pela Central Municipal de Regulação. Após a consulta, o paciente deverá ser submetido à audiometria, exame que detecta o grau de surdez. Tanto a consulta quanto o exame são realizados na Otorrinos”, explica.

Na mesma clínica, o paciente será acompanhado por assistentes sociais e psicólogos e retorna ao otorrino após receber o exame da audiometria. “É nesta segunda consulta que o otorrino avalia a audiometria e solicita o aparelho adequado para atender as necessidades daquele paciente. O prazo estimado para a entrega do aparelho é de seis meses”, afirma Gilberte Lucas.

Ela destaca, ainda, os benefícios que os AASIs oferecem aos portadores de deficiência auditiva. “Os aparelhos auditivos servem para captar e ampliar sons, proporcionando ganhos acústicos que ajudam os portadores na vida familiar, na escola ou no trabalho”, ressalta, acrescentando que “após a aquisição do aparelho, manutenções são realizadas regularmente na mesma clínica”.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 110072 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]