Prefeitura de Feira de Santana promove o VII Fórum Municipal de Álcool e Drogas. Confira as notícias da PMFS

Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.
Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.

Profissionais das áreas de saúde, educação e segurança pública estão reunidos no Centro de Cultura Maestro Miro, durante o VII Fórum Municipal de Álcool e Outras Drogas, que tem como propósito capacitar profissionais para melhor atuação no trabalho de prevenção e recuperação de dependentes químicos. O Fórum é uma iniciativa da Prefeitura de Feira de Santana, através da Secretaria Municipal de Saúde e Centro de Atenção Psicossocial Álcool e Drogas (CAPS AD) Gutemberg de Almeida.

O encontro foi aberto na manhã desta quarta-feira (24), às 8h30, com as presenças do prefeito Tarcízio Pimenta; secretário municipal de Prevenção à Violência, Mizael Freitas; diretora da Rede Própria de Saúde, Gilberte Lucas; coordenadora do CAPS AD, Carolina Carvalho; coordenadora de Saúde Mental, Rosana Falcão; médico psiquiatra do CAPS AD, Leonardo Barreto e a terapeuta ocupacional Rosângela Costa Sampaio.

Constam na programação palestras e mesas redondas sobre dependência, impacto do uso de drogas na sociedade, estratégias de intervenção no tratamento do tabagismo, uso de álcool e outras drogas no ambiente de trabalho, legalização da maconha, dispositivos de atenção para dependentes químicos no município, dentre outros.

De acordo com a coordenadora do CAPS AD, Carolina Carvalho, o evento tem como objetivo alertar profissionais e a sociedade para o problema de saúde pública que se tornou o uso de substâncias tóxicas e entorpecentes.

“O Fórum marca as comemorações ao Dia Contra o Tabagismo e, além de capacitar os profissionais e multiplicar conhecimentos, visa mudar a visão da sociedade com relação aos usuários de drogas, que na verdade precisam de ajuda. É preciso que se conscientizem, ainda, de que este é um problema de saúde pública que atinge todo o mundo”, destacou.

Ações e investimentos nas áreas de tratamento e de prevenção foram destacados pelo prefeito Tarcízio Pimenta. “Todos nós precisamos ter uma parcela de contribuição nesta área, com atenção maior para as ações preventivas. Levantamento do Ministério da Justiça aponta crescimento dos índices de homicídios e o envolvimento com o tráfico de drogas. Diante deste quadro preocupante é necessário agirmos para evitar que as estatísticas de criminalidade cresçam ainda mais”, enfatizou o gestor municipal.

O secretário Mizael Freitas ressaltou a importância de debater a formulação de políticas públicas de prevenção e combate ao uso de drogas. “Iniciativas como esta vem a somar à política de atenção do Município para mudar a situação de jovens e outras pessoas envolvidas com álcool e outras drogas”, afirmou. A programação segue até as 18 horas. Nesta quinta-feira (24) as palestras vão acontecer das 8h até as 12 horas.

Família Cidadã inscreveu mais de 20 casais

O sonho de oficializar a união matrimonial pode ser concretizado através da IX edição do casamento coletivo, que faz parte do Projeto Família Cidadã. A iniciativa é oferecida pela Prefeitura de Feira de Santana em parceria com a Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedeso) e o Poder Judiciário. As inscrições vão ser realizadas até o dia 19 de setembro, e até o momento já foram inscritos mais de 20 casais.
Segundo a coordenadora do projeto Maria Lícia da Mota, a maior dificuldade encontrada pelos casais é a falta de documentação. “A 2ª via da certidão de nascimento precisa ser atual e por isso, alguns casais encontra esta dificuldade. Nesta semana iremos disponibilizar dois funcionários para agilizar o processo no cartório. Estão sendo oferecidas 200 vagas”, explica.

Para efetivar a inscrição os casais devem apresentar certidão de nascimento com emissão de segunda via atual, se viúvo (a) certidão de óbito, comprovante de residência, documento formal de partilha de bens, se houver, e certidão negativa do 1° e 2° Ofício. O projeto teve início em 2002 e até então já foram oficializadas 2.243 uniões.

Os interessados devem se dirigir à Casa dos Conselhos, na rua Domingos Barbosa de Araújo, 172, Kalilândia, ou à sede da Sedeso na avenida Getúlio Vargas, 3.417, Santa Mônica das 8 às 12 horas e das 14 às 17 horas. A cerimônia está marcada para o dia 9 de dezembro de 2011, na igreja Assembleia de Deus situada na avenida Maria Quitéria.

Bons negócios em leilão de caprinos e ovinos

A Expofeira é nacionalmente reconhecida como uma importante vitrine de negócios para o setor agropecuário. A exposição e o comércio de animais são considerados os principais focos do evento, que este ano acontece de 04 a 11 de setembro no Parque de Exposição João Martins da Silva.

Nesta edição, a exposição agropecuária de Feira de Santana recebe cerca de 700 caprinos e ovinos das raças Santa Inês, Dorper e White Dorper registradas pela Associação de Criadores de Caprinos e Ovinos da Bahia (ACCOBA). Estarão presentes criadores de diversos municípios baianos e de outros estados como Goiânia, Paraná, Sergipe, São Paulo e Rio de Janeiro.

De acordo com o diretor da ACCOBA, Henrique Cerqueira, a expectativa é que sejam gerados R$ 500 mil em negócios envolvendo o comércio através de leilões das raças. “A Associação participa de vários eventos agropecuários em todo o país e faz questão de marcar presença na Expofeira, que é uma excelente oportunidade para exposição dos animais, comércio e melhoramento genético das raças”, destaca.

Serão realizados dois leilões de caprinos e ovinos, envolvendo 50 lotes e a 2ª Exposição Nordestina, com julgamento das raças. “Estaremos realizando os leilões baby, que será presencial, e o leilão com as raças Dorper e White Dorper que será transmitido pela emissora de televisão Terra Viva”, informa.

Ainda durante o evento será ministrado o IV Curso Sênior para Formação e Oficialização do Quadro de Jurados da ABCDorper. As aulas serão ministradas, no período de 02 a 06 de setembro, por Phillip Strauss e certificado pela Associação Sul Africana de Dorper. “Já está confirmada a participação de técnicos de várias partes do Brasil neste curso”, acrescenta.

Operação Chuva realizada em diversos bairros

Impedir alagamentos com a chegada do período das trovoadas é o objetivo da Operação Chuva realizada pela Defesa Civil nos bairros de Feira de Santana. A ação promove a limpeza dos bueiros e galerias de drenagem pluvial em diversas vias do município e está sendo desenvolvida em parceria com a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano (Sedur).

A Operação Chuva contempla, inicialmente, os bairros Cidade Nova, Tomba, Santo Antonio dos Prazeres, Estação Nova e o conjunto Feira VII. De acordo com o coordenador de Planejamento Operacional da Defesa Civil, Luiz Américo Soares, campanhas socioeducativas são realizadas constantemente com a população para prevenir alagamentos.

“O lixo jogado nas ruas é o principal responsável pelos entupimentos dos bueiros. Material como plástico leva milhares de anos para se decompor, quando entram nas galerias são elementos de vedação”, explicou.

Ainda conforme Luiz Américo, os pontos mais críticos estão sendo atendidos. “Iremos dar uma atenção especial, por exemplo, à rua Finlândia, no bairro Estação Nova, que no ano passado enfrentou sérios problemas com os alagamentos. A operação envolve também a limpeza dos canais de macrodrenagem”, informou.

Semana da Pessoa com Deficiência

Em comemoração à Semana Nacional da Pessoa com Deficiência Intelectual e Múltipla, a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE) promoveu uma caminhada e ações sociais na Praça Geminiano Costa, na manhã desta quarta-feira (24).

A iniciativa, segundo a diretora da APAE, Mary Portugal, é uma forma de sensibilizar a sociedade para aceitar os portadores de necessidades especiais. A Semana Nacional acontece de 21 a 28 de agosto e tem como tema “A pessoa com deficiência quebra a cultura da indiferença. Tenha coragem de ser diferente”.

Em Feira de Santana, cerca de 600 pais, alunos, professores e diretores participaram da caminhada e levaram diversas faixas. Em uma delas estava escrito: “Em defesa dos nossos direitos – educação, saúde, trabalho, esporte, lazer e acessibilidade”. A passeata saiu da APAE, percorreu a rua Olímpio Vital, avenida Getúlio Vargas e rua Visconde do Rio Branco, encerrando na Praça Geminiano Costa.

Além disso, acontecem apresentações de artes, exame do pezinho, aferição de pressão arterial e teste de glicemia até as 12 horas. Hoje a APAE atende cerca de 1.200 pessoas diariamente. O evento teve o apoio da Prefeitura de Feira de Santana na liberação da praça, e da Superintendência Municipal de Trânsito (SMT) organizando o tráfego.

Apoio aos artistas da música gospel

O Governo Municipal continua apoiando diversos artistas locais, inclusive os adeptos da música gospel. Um dos músicos contemplados com esta parceria foi o diácono Juvenal Magalhães. Ele lançou seu segundo cd intitulado “Exemplo de Fé” na noite desta terça-feira (23), na Igreja Assembeia de Deus.

A produção é composta por 10 músicas com estilo forró gospel e duas das canções, a “Por que de existir” e “Não sofras mais” foram compostas por Juvenal. As pessoas que apreciam o estilo também vão ouvir as músicas “Alguém me tocou’, “Jesus te chama” e Vitória certa” no cd.

Segundo o artista, cantar músicas desse nível representa um presente de Deus. “É muito bom passar mensagens de paz para as famílias, mas para uma produção como esta sempre precisamos de apoio, e o Governo Municipal faz isso muito bem”, declara Juvenal Magalhães. Ele também vai se apresentar na Exposição Agropecuária de Feira de Santana (Expofeira 2011).

O primeiro cd de Juvenal foi gravado com uma dupla sertaneja, mas no segundo ele optou pelo forró. Uma banda composta por sanfoneiro, tecladista, baterista, baixista, percussionista e zabumbeiro acompanham o músico. O cd está à venda na Igreja Assembleia de Deus por R$ 10 e em livrarias e lojas de conveniência por R$ 18.

Setdec notifica parque infantil

Dois parques infantis instalados nos conjuntos Feira X e Feira VI foram notificados pela Secretaria Municipal de Turismo e Desenvolvimento Econômico (Setdec) por não possuírem o requerimento expedido pela Prefeitura de Feira de Santana, no qual autoriza o funcionamento. A operação de fiscalização aos dois parques foi realizada na noite desta terça-feira (23) e contou com o apoio da Polícia Militar.

No primeiro parque vistoriado, instalado na rua G do conjunto Feira X, os proprietários apresentaram a autorização de funcionamento do Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia da Bahia (CREA) que fiscaliza a segurança do equipamento. Porém, não havia o requerimento liberado pelo Governo Municipal.

“A Setdec não recebeu nenhum pedido para que o parque utilizasse este espaço. Então, estamos dando 48 horas para eles fazerem o requerimento e usar o espaço público. Caso não o apresentem, nós determinaremos a interdição e que o equipamento seja retirado do solo”, declara o secretário de Desenvolvimento Econômico, Magno Felzemburgh.

Para que o requerimento seja expedido, explica Felzemburgh, é necessário que o 2º Grupamento de Bombeiros e a Defesa Civil vistoriem as condições do equipamento. Já no segundo parque fiscalizado, localizada na rua A do conjunto Feira VI, foi apresentado apenas o adesivo do CREA e também não havia o requerimento da Setdec.

Em razão disso, a secretaria deu o prazo de 24 horas para que os dois documentos sejam apresentados. “Neste parque nós conversamos com o proprietário por telefone e ele informou que fez o requerimento, mas é necessário ter uma resposta do poder público para funcionar”, orienta o secretário, acrescentando que “a preocupação maior é com a segurança das crianças e pais”.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 109844 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]