Em Salvador, Governador Jaques Wagner abre a 1º Feira de Ciência e Tecnologias Sociais da Educação Profissional da Bahia nesta segunda-feira

Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.
Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.

Estudantes apresentam experiências científicas durante o evento no Centro de Convenções

O governador da Bahia, Jaques Wagner, e o Secretário da Educação, Osvaldo Barreto, abrem, às 9h, desta segunda (29/8), no Centro de Convenções da Bahia, a I Feira de Ciência e Tecnologias Sociais da Educação Profissional da Bahia e o II Encontro de Educação Profissional da Bahia, com apresentação do coral do Colégio Estadual Manoel Novaes. Os eventos, promovidos pela Secretaria da Educação do Estado, vão apresentar um panorama da política pública de educação profissional no Estado, até quarta-feira (31/8).

Na Feira, aberta ao público das 8h30 às 18h, estudantes dos cursos técnicos de nível médio da rede estadual de Educação Profissional demonstrarão suas experiências científicas em estandes. A Feira contará, ainda, com estandes específicos para orientação profissional e serviços médicos, como aferição de pressão arterial.

A rede estadual de Educação Profissional conta com 48.818 mil estudantes matriculados e a meta é chegar a 2014 com a oferta de 84 mil vagas. Atualmente, são oferecidos 72 cursos em 28 Centros Territoriais, 18 Centros Estaduais e 93 unidades de ensino na capital e interior.

Algumas das Tecnologias Sociais que serão apresentadas:

Fabricação de Instrumentos – Os estudantes e professores do Centro Estadual de Educação Profissional em Artes e Design, bairro de Nazaré, em Salvador, vão demonstrar como é possível fabricar instrumentos em papelão e apresentar técnicas de restauro de cadeiras. Eles também vão apresentar técnicas de restauro de documentos antigos e de instrumentos como o violino. Outra tecnologia social que será apresentada se refere à construção de violões pelos próprios estudantes.

Economia de Energia – Os estudantes e professores do curso Técnico em Eletrotécnica do Centro Estadual de Educação Profissional da Bahia (CEEP Bahia), em Águas de Meninos, em Salvador, irão apresentar uma maquete para demonstrar como fazer uma instalação elétrica residencial de qualidade. Serão expostos os principais riscos de incêndio, como fios sem proteção, eletrodomésticos ligados por meio de contatos fio a fio, disjuntores fora do padrão, dentre outras irregularidades.

Sistema Hidropônico – Os estudantes do curso Técnico em Agropecuária do Centro Territorial de Educação Profissional da Chapada Diamantina (CETEP da Chapada Diamantina), em Wagner, apresentarão os benefícios trazidos pela Hidroponia, cultivos de plantas na água. Todo o processo para esse tipo de cultivo estará ilustrado por um Sistema Hidropônico construído pelos estudantes. A turma do curso de Edificação explicará o funcionamento de sistemas elétricos e sistemas hidráulicos através de maquetes.

Sabão com óleo de cozinha – Os estudantes do Centro Estadual de Educação Profissional das Águas (CEEP das Águas), município de Barra, vão ensinar como ocorre a produção de licores e doces em compotas a partir da apresentação de pôsteres. Da mesma forma, vão demonstrar como ocorre a produção de sabão feito com óleo de cozinha, salientando a importância desse processo para a conservação do meio ambiente.

Reciclagem de computadores – Os estudantes do Centro Estadual de Educação Profissional em Tecnologia, Informação e Comunicação (CEEP em Tecnologia, Informação e Comunicação), em Lauro de Freitas, trazem o tema “lixo tecnológico”. Irão mostrar como o descarte de computadores pode agredir o meio ambiente e orientar como estas peças devem ser descartadas de forma adequada, inclusive, para fins de reaproveitamento e reciclagem.

Energia eólica – Os estudantes do Centro Territorial de Educação Profissional do CETEP da Região Metropolitana (CETEP da RMS), em Camaçari, irão apresentar por meio de uma maquete como ocorre a energia eólica – gerada pelo vento. Este tipo de energia limpa é uma das alternativas buscadas em todo o mundo para o enfrentamento de problemas energéticos de forma sustentável, por não causar grandes impactos ambientais.

Foguete de garrafas pet – Além das tecnologias sociais, a Feira apresentará experiências que relacionam ciência e tecnologia, como o foguete feito com garrafa pet. A experiência foi desenvolvida por estudantes do Centro Estadual de Educação Profissional em Logística e Transporte Luiz Pinto de Carvalho, no bairro de São Caetano, em Salvador.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Carlos Augusto 9608 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).