EBDA e SUAF celebram convênios com cooperativas para produção de sementes

Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.
Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.

Produzir sementes de qualidade para atender à agricultura familiar, previstas no Programa Semeando, é o foco do convênio de cooperação técnica assinado pela Empresa Baiana de Desenvolvimento Agrícola, EBDA, órgão vinculado à Secretaria da Agricultura, Irrigação e Reforma Agrária (Seagri), com a Superintendência da Agricultura Familiar (Suaf) e cooperativas do Estado da Bahia. O evento aconteceu na sexta-feira (08), no gabinete da presidência da EBDA, em Salvador.

Foram sete entidades beneficiadas com a expectativa de aumentar a produção e a produtividade de sementes no Estado. A Cooperativa da Agricultura Familiar do Território de Irecê (Coafti), localizada na zona rural do município de Lapão, tem a estimativa de produção de 138 toneladas de milho, em 46 hectares, e 27 toneladas de vigna, em 15 hectares. Segundo o presidente da Coafti, Genildo Alves, ele sempre teve boas experiências com a EBDA, em função dos valores técnicos e tecnológicos.

“Produziremos sementes de alta qualidade, em parceria com a EBDA. Hoje, estamos trabalhando com 16 cooperantes que se tornarão multiplicadores, e outros acompanharão o nosso trabalho, pois tudo que é bom as pessoas querem seguir”, ressalta Alves.

De acordo com a coordenadora nacional da Federação Nacional dos Trabalhadores e Trabalhadoras na Agricultura Familiar (Fetraf), Elisângela Araújo, a questão da semente tem sido um dos grandes problemas para o avanço da produção no Estado. “Acreditamos que, brevemente, avançaremos na implantação dos bancos de sementes para resolver essa problemática para a agricultura familiar”, declara Araújo.

O Instituto Regional da Pequena Agropecuária Apropriada (IRPAA), situado no município de Juazeiro, tem a expectativa da produção de 297 toneladas de milho, em 99 hectares, e 5,4 toneladas de vigna (feijão de corda), em 3 hectares. A Cooperativa de Produtores de Una (Cooperuna), localizada no município de Una, pretende produzir 30 toneladas de milho, em 3 hectares, e a Associação dos Moradores do Tombador de Cima, em Sento Sé, visa produzir 60 toneladas de sementes de mamona, em 30 hectares.

O diretor de agricultura da EBDA, Luiz Bacelar Barata, enfatizou a grande conquista ao entregar, através do Programa Semeando, um produto nobre e altamente tecnificado, onde ao plantar, o agricultor familiar terá a certeza do sucesso. “Dessa forma, o agricultor vai elevar a sua capacidade de produção, deixando para trás a baixa qualidade e baixa produtividade”, afirma Barata.

“A partir desse convênio, estamos transferindo, para a agricultura familiar, duas grandes ferramentas. A primeira é a transferência de tecnologia na questão da produção de sementes, e a segunda é a possibilidade de produzir sua própria semente”, destacou o diretor de Acesso ao Mercado e à Comercialização, da Superintendência da Agricultura Familiar (Suaf), Jeandro Laytynher Ribeiro.

Também serão contempladas a Cooperativa de Produtores da Região de Olindina (Coopero), que espera alcançar 240 toneladas de milho, em 80 hectares, a Cooperativa de Trabalho do Estado da Bahia (Cooteba), visando à produção de 100 toneladas de vigna, em 100ha, e 171 toneladas de feijão, em 95 há, e, por fim, a Cooperativa dos Agricultores da Agricultura Familiar (Coopaf), que já vem produzindo, desde 2010, mais de 350 toneladas de milho, feijão e vigna, em área de 250 ha. Participaram do encontro a EBDA/Seagri, Suaf, Fetraf e entidades ligadas à agricultura familiar.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 108904 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]