Aeroportos regionais da Bahia são beneficiados pelo governo federal | Por Sidelvan Nóbrega

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.
Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.

A decisão do Governo Federal em destinar 102,3 milhões para primeira fase do Plano de Investimentos do Programa Federal de Auxílio a Aeroportos (Profaa) de 2011, conforme a PORTARIA NORMATIVA Nº- 1 da SECRETARIA DE AVIAÇÃO CIVIL, publicado no dia 26 de maio de 2011 do corrente ano no Diário Oficial da União, vem confirmar o fato de que é necessário destinar investimentos para construção, ampliação e reforma de Aeroportos Regionais em todo o Brasil, como medida complementar para solucionar os gargalos nos principais aeroportos do país.

Acredita-se que 14 aeroportos que compõem a aviação comercial das cidades periféricas, responsáveis pela distribuição dos voos para as grandes companhias, correm risco de fechar até o final do ano, segundo informações divulgadas pela Associação Brasileira das Empresas de Transporte Aéreo Regional (Abetar).

Parte destes aeroportos têm prazo limite para cumprir à resolução de nº 115 da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), que estabelce critérios quanto à implantação, operação e manutenção do Serviço de Prevenção, Salvamento e Combate a Incêndio em aeroportos de pequeno porte.

Entre as determinações impostas está a aquisição de caminhão de combate a incêndio, que é uma das maiores dificuldades enfrentadas pelos gestores, em virtude do alto custo. Uma das soluções apontadas pela Abetar seria a permissão do governo federal, para que o Profaa acate emendas parlamentares a fim de ampliar a captação de verbas para este mercado, que nos últimos onze meses de 2010 cresceu em 12,2% nos países da América Latina, transportando mais de 11 milhões de passageiros, de acordo com a Associação Lationoamericana de Tranporte Aéreo (ALTA).

Percebe-se que a necessidade do destino de recursos para o sistema de aviação brasileira não pode se limitar a atender somente às demandas dos eventos esportivos das Olimpíadas e da Copa e, sim, atender a crescente demanda dos usuários nos terminais diariamente, priorizando a segurança, qualidade e regularidade dos serviços, dessa maneira, entendo que foi uma decisão acertada por parte do Governo a destinação de recursos para criação e reestruturação de 18 aeroportos regionais, que beneficiará cerca de 12 estados brasileiros, incluindo Ceará, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rondônia e Rio Grande do Sul. Contudo, quero destacar o investimento de 30 milhões destinados à Bahia, para a construção do Aeroporto de Vitória da Conquista e dos R$ 3,385 milhões para reforma e ampliação do Aeroporto de Barreiras.

Apesar das melhorias que serão obtidas por meio destes investimentos, é preciso alertar sobre a necessidade de recursos na área de segurança, com medidas corretivas e preventivas contra acidentes, adoção de mão de obra especializada em áreas específicas com treinamentos de acordo as Normas Regulamentadoras em vigor, implantação e aquisição de equipamentos de ponta apropriados para auxiliar nos serviços diários e em casos de emergência, além de investimento em infraestrutura do entorno e a construção de vias estruturantes de acesso para garantir a eficácia e eficiência no funcionamento dos Aeroportos Regionais.

Enfim, as construções de Aeroportos Regionais são de vital importância para complementar as medidas no sentido de reverter à situação caótica da Aviação Civil Brasileira, levando sempre em consideração o fato de que os investimentos em segurança e infraestrutura devem fazer parte do planejamento e execução dos Projetos de construção, reforma e ampliação dos aeroportos.

Espero que em breve outras importantes cidades do interior do Estado da Bahia sejam também beneficiadas pelo Programa Federal de Auxílio a Aeroportos.

*Sidelvan Nóbrega (PRB) | [email protected]

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 113505 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]