O Sono da Morte | Por Vinícius Mendes de Oliveira

Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.
Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.

A morte é uma inimiga cruel, e a maioria das pessoas já sentiu a dor e a tristeza que ela traz. ela tem sido um grande mistério que cientistas, filósofos, clérigos e pessoas comuns tentam decifrar. Muito se tem especulado sobre o estado dos mortos: para onde vão? Seria a morte o fim ou apenas um estágio, uma passagem para outras vidas?

O que a Bíblia diz sobre a vida após a morte

Jesus considerou a morte como um sono (João 11:11, 14 e 21).

Não existe reencarnação ou comunicação com os mortos (Deuteronômio 18: 9-12).

A imortalidade é um atributo exclusivo de Deus (1 Timóteo 6:15 e 16).

A ideia de alma separada do corpo foi propagada ao longo dos séculos em culturas pagãs e introduzida no cristianismo durante a Idade Média. A igreja absorveu o conceito grego de corpo e espírito como entidades separadas, identificando espírito com alma, contradizendo, assim, o que Deus disse: “Certamente morrerás” (Gênesis 2:17).

A Bíblia apresenta a expressão “alma” para referier-se a pessoas vivas de maneira geral, e não para indicar uma entidade que se liberta do corpo após a morte. Ezequiel 18:4 e 20 afirma que a alma morre. Essa alma ou espírito não é uma entidade consciente, sobrevivendo independente do corpo. Conforme Salmo 146:4, não há consciência na morte. A experiência de Lázaro é a maior evidência de que não há vida após a morte. Se ao morrer as pessoas fossem para o Céu, Jesus não iria até o túmulo. Ele simplesmente diria: “Lázaro, desce do Céu!”. Mas Ele disse: “Lázaro, vem para fora!”

A Bíblia apresenta duas ressurreições (João 5:28-29). A primeira é a ressurreição da vida que acontecerá no momento da segunda vinda de Cristo. É a ressurreição reservada somente para os que morreram em Cristo. Outra ressurreição acontecerá após o milênio que sucede à segunda vinda de Cristo e está reservada para aqueles que rejeitaram a Jesus e Sua vontade. Essa ressurreição é chamada de ressurreição da morte, ou do juízo (João 5:28-29; Daniel 12:2; Apocalipse 20:4-5).

Amigos, Deus nos criou para Sua glória (Isaías 43:7) e para refletir a Sua imagem (Gênesis 1:27). Ele não planejou a morte para o ser humano; ela veio como consequencia do pecado. Porém, através de Cristo, podemos ter a certeza da ressurreição. Sua morte e ressurreição asseguram que todos, um dia, ressurgirão, uns para vida eterna e outros para vergonha e horror eterno (Daniel 12:2).

Diante de nós está a escolha da vida eterna. A sua escolha definirá qual será o seu futuro. O desejo do nosso amoroso Deus é que você escolha viver para sempre. Para isso torne-se um praticante da Palavra de Deus e desfrute pela fé da esperança da imortalidade.

*Vinícius Mendes de Oliveira – Mestrando em Ciências Sociais e formando em Teologia.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 112762 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]