Acionistas aprovam migração da TIM para o Novo Mercado

Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.

Em assembleia, minoritários validam mudança e fazem da empresa a única operadora de telecom a integrar o segmento.

Pouco mais de um mês após a proposta de migração para o Novo Mercado da BM&FBOVESPA pelo Conselho de Administração da TIM, foi aprovada em assembléia a entrada da empresa no segmento. A acionista controladora acompanhou o voto dos detentores de ações que não fazem parte do bloco de controle, proferindo seu voto somente após a posição dos minoritários, com a finalidade apenas de compor o quorum exigido legalmente. Assim a TIM tornou-se a única empresa do setor a integrar o Novo Mercado, reconhecido como nível máximo de Governança Corporativa. Desde o anúncio, no início de maio, as ações PN da TIM subiram 7,3% e as ON 5,5%.

Não há mais diferença entre a classe de ações dos minoritários e controladores: todos passam a deter ações ordinárias. Com isso, os direitos dos acionistas, passam a ser iguais aos dos controladores. Além disso, os minoritários passam a ter representatividade no Conselho de Administração (com 20% de membros independentes) e direito a receber o mesmo valor do controlador (tag along de 100%), no caso de alienação do controle – essas mudanças garantem um maior alinhamento entre os interesses do controlador e do minoritário dando mais tranqüilidade para investir na companhia. na

“A migração da TIM, única operadora de telecom que passa a integrar o segmento, trará benefícios tanto para a empresa quanto para todos os seus acionistas. A ampla presença dos acionistas e a aprovação pela expressiva maioria reflete o contentamento com a adesão ao nível máximo de Governança Corporativa no Brasil e também expressa que foi adotado critério justo e transparente na conversão de ações preferenciais em ações ordinárias”afirma o presidente da TIM Brasil, Luca Luciani.

A intenção da migração foi bem recebida pelo mercado. As ações preferenciais da TIM subiram 7,3% desde que a companhia sinalizou sua intenção. No ano, a alta dos papeis já chega a 39%, superando a performance da Bovespa (-11,40%). Cabe destacar ainda o aumento expressivo do valor de mercado da empresa, que rompeu a barreira de R$ 20 bilhões, o dobro em relação ao seu valor registrado em bolsa em janeiro de 2009. A conclusão formal da migração das ações para o Novo Mercado acontece no final de julho, quando todas as ações preferenciais serão convertidas em ordinárias.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

About the Author

Redação do Jornal Grande Bahia
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]