Vice-presidente de Pessoa Jurídica da Caixa Econômica Federal, Geddel Vieira Lima, assina contratos de R$ 270 milhões no Feirão da Caixa

Geddel assina contratos de R$ 270 milhões no Feirão da Caixa.
Geddel assina contratos de R$ 270 milhões no Feirão da Caixa.
Geddel assina contratos de R$ 270 milhões no Feirão da Caixa.
Geddel assina contratos de R$ 270 milhões no Feirão da Caixa.

O vice-presidente de Pessoa Jurídica da Caixa Econômica Federal, Geddel Vieira Lima, assinou nesta sexta-feira (13/05/2011) contratos de mais de R$ 270 milhões na abertura do 7º Feirão da Caixa, que acontece em Salvador até o próximo domingo (15/05), no Centro de Convenções. Os contratos são de habitações ofertadas pelo programa Minha Casa Minha Vida (MCMV) e pelo Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo (SBPE), que permite o financiamento de imóveis residenciais novos em até 30 anos.

“Nesse meu primeiro evento oficial na Bahia, estou muito feliz por ter assinado contratos que estimularão a economia baiana e, ao mesmo tempo, facilitarão os processos para que as pessoas tenham sua moradia própria, tendo assim mais dignidade”, disse Geddel.

No evento, que tem estimativa de público de aproximadamente 40 mil pessoas durante os três dias, estiveram presentes o superintendente regional da Caixa na Bahia, Aristóteles Menezes; o presidente da Associação dos Dirigentes de Empresas do Mercado Imobiliário (ADEMI-BA), Nilson Sarti; o presidente do Sindicato da Indústria da Construção do Estado da Bahia (Sinduscon), Carlos Alberto Vieira Lima; e o secretário estadual Cícero Monteiro (Desenvolvimento Urbano).

O evento

Durante os três dias do evento, a Caixa Econômica Federal pretende comercializar mais de 5 mil imóveis e gerar R$ 780 milhões em volume de negócios, entre novos usados e na planta, financiados com uma taxa de juros que variam de 4,5% a 13,5% para imóveis residenciais e comerciais. Somente no programa Minha Casa Minha vida, estão disponibilizados 13 mil unidades habitacionais, o que corresponde a 72% do total ofertado no Feirão.

Os valores dos imóveis variam de R$ 70 mil a R$ 700 mil, e podem ser negociados com as 53 construtoras, 16 imobiliárias e oito correspondentes espalhados pela Feira, que conta também com o apoio do Sinduscon, da ADEMI-BA, Conder e do Conselho Regional dos Corretores de Imóveis (CRECI-BA).

 

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 108904 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]