Rebeldes creem que ordem de detenção do TPI estimulará mais ataques da OTAN

Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.
Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.

Benghazi (Líbia), 4 mai (EFE).- O vice-presidente do Conselho Nacional Transitório (CNT) líbio, Abdel Hafid Ghoga, afirmou nesta quarta-feira que o anúncio de que o procurador-geral do Tribunal Penal Internacional (TPI), Luis Moreno Ocampo, pedirá a prisão de três líbios poderá estimular a Otan a aumentar seus ataques no país.

Em entrevista coletiva concedida em Benghazi, Ghoga considerou que o anúncio de Ocampo “confirma as atrocidades cometidas pelo regime de Kadafi” e “sem dúvida tem relação com a operação da Otan, apoiada pela ONU”, cuja missão é proteger os civis “que continuam sendo atacados”.

Ocampo disse nesta quarta-feira no Conselho de Segurança da ONU que pedirá que sejam emitidas ordens de detenção “contra indivíduos que contam com a maior responsabilidade nos crimes contra a humanidade cometidos em território líbio”, embora tenha evitado fornecer detalhes sobre a identidade dessas pessoas.

“Todos sabemos quem são estes três indivíduos de quem (Ocampo) está falando”, assegurou Ghoga em Benghazi.

O vice-presidente do principal órgão dos rebeldes líbios não hesita que um deles seja Muammar Kadafi, “porque é o chefe das Forças Armadas e é quem está dando as ordens para atacar os civis”.

Além disso, “há outros indivíduos que poderiam ser incluídos nas categorias especificadas por Ocampo, como seus filhos e pessoas de seu círculo mais próximo”, acrescentou o representante do CNT.

Segundo Ghoga, as palavras do procurador-geral do TPI “confirmam os crimes do regime de Kadafi, que incluem os ataques contra alvos civis, como mesquitas e hospitais, e o emprego de armas proibidas e muito letais contra a população”.

Já o porta-voz oficial do Exército rebelde, Ahmed Omar Bany, destacou que a atuação das forças de Kadafi em Misrata, onde estão tentando evitar a chegada de ajuda humanitária, “poderia representar crimes de guerra”.

*Com informações da Deutsche Welle

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 110984 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]