O Vasco da Gama e a Princesa Kate Middleton | Por Alberto Peixoto

A Princesa Kate Middleton e o Vasco da Gama.
A Princesa Kate Middleton e o Vasco da Gama.

Nessa sexta-feira a princesa Kate, em apenas um minuto, ganhou mais títulos que o Vasco em oito anos.

Segundo declarações de José Raimundo Vaz, torcedor fanático do Mengão, “os números são muito favoráveis ao Flamengo no estado do Rio de Janeiro. Em 13 títulos disputados entre 1999 e 2011, o Flamengo ganhou 8, ou seja, 61,6%. O Fluminense 2 o Botafogo 2 e o Vasco 1”.

A última vez que o Vasco ganhou algum troféu disputando título diretamente contra o Flamengo foi em 1988, portanto 23 anos sem saber o gosto da vitória contra o “Mais querido do Brasil”. Tem pessoas que torce pelo Vasco, por mera influencia familiar, de amigos ou por não entender nada de futebol neste período em que nunca viu o Vasco sagrar-se campeão, disputando o título em uma final contra o Flamengo.

É bem verdade que o “melhor do mundo” precisa de contratações para alguns setores, como: um zagueiro central, lateral esquerda e um bom atacante que supra as faltas de gols, para realmente disputar o título de campeão da Copa Brasil e, pela sétima vez, de campeão Nacional.

Na Bahia o que dizer do pobre coitado ex Esquadrão de aço? Ganha mas não leva. Imaginem como será seu desempenho no campeonato Nacional. Já deu mostras disso contra o Atlético Paranaense quando foi abatido pelo placar elástico de 5 X 0. Ou contrata ou vai retornar para seu lugar de origem. Sem dúvida o Vitória é o time mais bem estruturado do estado, mesmo assim também não merece confiança. A segunda divisão é tão difícil ou até mais difícil do que a primeira divisão do futebol brasileiro.

Sobre Alberto Peixoto 488 Artigos
Antonio Alberto de Oliveira Peixoto, nasceu em Feira de Santana, em 3 de setembro de 1950, é Bacharel em Administração de Empresas pela UNIFACS, e funcionário público lotado na Secretaria da Fazenda do Estado da Bahia, atua como articulista do Jornal Grande Bahia, escrevendo semanalmente, é escritor e tem entre as obras publicadas os livros de contos: 'Estórias que Deus Duvida', 'O Enterro da Sogra, 'Único Espermatozoide', 'Dasdores a Difícil Vida Fácil', participou da coletânea 'Bahia de Todos em Contos', Vol. III, através da editora Òmnira. Também atua incentivador da cultura nordestina, sendo conselheiro da Fundação Òmnira de Assistência Cultural e Comunitária, realizando atividades em favor de comunidades carentes de Salvador, Feira de Santana e Santo Antonio de Jesus. É Membro da Academia de Letras do Recôncavo (ALER), ocupando a cadeira de número 26. E-mail para contato: [email protected] Saiba mais sobre o autor visitando o endereço eletrônico http://www.albertopeixoto.com.br.