Bahia vai sediar encontro Ibero-Americano no ano dos afrodescendentes

Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.
Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.

Com a participação de 40 representantes de países ibero-americanos, foi decidido, em reunião da Secretaria Geral Ibero-Americana (Segib), que Salvador será a sede, nos dias 18 e 19 de novembro deste ano, do encontro de países ibero-americanos, caribenhos e africanos para comemorar o Ano Internacional dos Afrodescendentes – 2011, conforme a resolução 64/169 da Organização das Nações Unidas (ONU).

A reunião da Segib, realizada na sua sede, em Madrid (Espanha), no último dia 24, escolheu Salvador porque o Brasil foi considerado modelo de boas práticas compensatórias e de inclusão social da população afrodescendente.

O Brasil foi representado no encontro pelo ministro Silvio Albuquerque, chefe do Departamento de Temas Sociais do Itamaraty, e a Bahia, pelo secretário de Relações Internacionais e da Agenda Bahia (Serinter), Fernando Schmidt, que destacou o caráter deliberativo do evento programado para Salvador.

Segundo Schmidt, os participantes deliberaram realizar um encontro que não seja mais um levantamento de problemas, e sim um evento que aprove ações concretas para solução dos problemas. O ministro Silvio Albuquerque propôs a constituição de um fundo das nações ibero-americanas para auxiliar os países mais pobres na implementação de ações de inclusão.

Reunião ampla

Planejando tornar o encontro mais produtivo, foi definido que, no dia 18, haverá uma reunião ampla, com 250 delegados dos diversos países, participando de oficinas, palestras e debates. Ao final do dia, deverá ser aprovada a Carta de Salvador reunindo propostas objetivas de inclusão social, política e econômica da população afrodescendente dos países ibero-americanos, caribenhos e africanos. No dia 19, os chefes de Estado discutirão as propostas e firmarão o compromisso de aplicá-las.

A organização do evento ficará a cargo do Itamaraty, da Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (Seppir) e da Secretaria de Promoção da Igualdade do Estado da Bahia, com o apoio da Serinter. Também foi nomeado embaixador especial da Segib, para a Comemoração do Ano Internacional dos Afrodescendentes, o ex-ministro da Cultura, Juca Ferreira.

Apoio institucional

A Secretaria Geral Ibero-Americana (Segib), que tem Enrique Iglesias como secretário geral, é uma organização internacional com sede em Madri, criada em 2003, fruto da I Cúpula Ibero-americana de Chefes de Estado e de Governo celebrada em 1991. É constituída por 22 países – 19 na América Latina e três na península Ibérica, Espanha, Portugal e Andorra. A Segib é o órgão permanente de apoio institucional e técnico da Conferência Ibero-americana realizada dentro da Cúpula.

Os objetivos da organização são auxiliar na preparação, coordenar e executar mandatos das Cúpulas de Chefes de Estado e de Governo, fortalecer a cooperação no marco da Conferência Ibero-americana, promover e estreitar vínculos históricos, culturais, sociais e econômicos entre os países ibero-americanos, reconhecendo e valorizando a diversidade entre seus povos, e contribuir para o fortalecimento e integração da Comunidade Ibero-americana, além de promover sua projeção internacional.

*Com informação: Sérgio Jones

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 111083 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]