Unesco lança no Brasil Coleção História Geral da África

Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.
Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.

Coletânea levou 30 anos para ser concluída; especialistas brasileiros e africanos participam do evento, nesta quarta-feira, na PUC de São Paulo.

O Escritório da Unesco no Brasil está lançando, nesta quarta-feira, a “Coleção História Geral da África”. A coletânea, de oito volumes, deverá ser apresentada ao público num evento na PUC de São Paulo.

Participam do lançamento, o representante da Unesco no Brasil, Vincent Defourny, autoridades locais e especialistas africanos e brasileiros.

Conhecimento

Em entrevista à Rádio ONU, de Brasília, o chefe da Unesco, Vincent Defourny, disse que a Coleção ajuda a promover a diversidade cultural a partir da História.

“O Brasil está devolvendo para África a sua própria História. Acho isso muito importante, poder “reconstruir a ponte” a partir do conhecimento. A Unesco acredita que o conhecimento é a melhor base para trabalhar a compreensão mútua entre os povos e criar uma cultura de paz”, afirmou.

O pesquisador malinês Jean Michel Tali, membro do Comitê Científico da Unesco, falou à Rádio ONU, de Salvador, sobre o valor da coletânea para gerações futuras.

Escravos

“Esta obra, desde já, fala de África e dá os elementos discursivos para os afrodescendentes defenderem o seu patrimônio histórico. Para o futuro é trazer para os africanos a história dos afrodescendentes e mostrar que essa história não se limitou à condição de escravos. Que eles ajudaram a transformar o chamado novo mundo,” explicou.

A Coleção História Geral da África foi editada pela Unesco, levou 30 anos para ser concluída e contou com 350 pesquisadores. A versão brasileira foi financiada pelo Ministério da Educação com a coordenação técnica da Universidade Federal de São Carlos.

*Com informação da Rádio ONU em Nova York

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 111111 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]