Missão baiana à Ásia busca investimentos para a agroindustrialização do Estado

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.
Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.

A agroindustrialização do algodão produzido na Bahia foi um dos focos da reunião de negócios que o secretário da Agricultura, engenheiro agrônomo Eduardo Salles, realizou nesta sexta-feira, (08/04/2011), com executivos de empresas da Região Chinesa do Cantão, especializadas nas indústrias têxtil e de madeira. O encontro, do qual participou o superintendente de Indústria e Mineração da Secretaria de Indústria e Comércio, (Sicm), Paulo Roberto Guimarães, foi agendado durante audiência da Missão Baiana à Ásia com todos os executivos da embaixada brasileira em Hong Kong. A Bahia é o segundo maior produtor de algodão do Brasil, com fios de excelente qualidade, semelhante aos do Egito, mas não possui nenhuma grande indústria.

O secretário explicou que a ida do grupo à China tem o objetivo de atrair investimentos para a agroindustrialização do estado e o fortalecimento do comércio bilateral, além de abrir o mercado asiático para a exportação do charuto produzido no recôncavo baiano, tão bom quanto os cubanos. Com a realização desta missão, a quarta em dois anos, a Bahia estreita seu relacionamento com a Ásia. A missão baiana, coordenada pelo secretário da Agricultura, está sendo realizada em parceria com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex).

Salles informou que “foram dois dias de negociações importantes para a Bahia, e neste sábado rumaremos para Pequim, para preparar os eventos que acontecerão por ocasião da chegada do governador Jaques Wagner e da presidente Dilma Rousseff”. Em Pequim, a partir do dia 11 será realizado o Festival Gastronômico Sabores da Bahia, com pratos preparados com produtos da agricultura familiar. No dia 12, o governo da província de Chongqing assina protocolo de intenções com o governo baiano confirmando a decisão do grupo Chong Qing Grain Group Corporation Limited Liability Company de investir R$ 4 bilhões para implantar um pólo industrial em Barreiras, para esmagar soja e refinar óleo de soja.

A Missão Baiana à Ásia é composta, além dos representantes da Seagri e da Sicm, pelos empresários Celito Missio e Célio Zuttion, que representam o algodão, Luiz Henrique do Amaral, do setor de bares e restaurantes, Diego Badaró, representando o cacau, Edilson Ribeiro, representando o setor de carnes, e Rogério Betti, representante do segmento de florestas plantadas.

A missão baiana chegou à Hong Kong, na noite de quarta-feira, depois de mais de 40 horas de viagem. Na bagagem, amostras de produtos da agricultura familiar baiana, visando vendas futuras, e um folder específico escrito em mandarim e inglês contemplando todos os objetivos da Secretaria de Agricultura nesta missão, que são a agroindustrialização do estado e o incremento do comércio bilateral com a China, principalmente na soja, algodão, sisal, madeiras, carnes de frango e bovina, chocolate, e eucalipto, entre outros.

Os empresários baianos participaram de rodadas de negócios organizadas pela Apex/Brasil, e depois tiveram reuniões em separado com empresas de Hong Kong interessadas em realizar negócios com a Bahia. A abertura oficial da rodada de negócios contou com as presenças do presidente da Apex, Mauricio Borges, do secretário executivo do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Alesandro Teixeira, do embaixador brasileiro em Hong Kong, Antônio Resende de Castro, e da diretora executiva da Hong Kong Trade Development Council, Margaret Fong.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 113522 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]