Lançado em Feira de Santana o serviço Procon Móvel. Leia esta e outras notícias da PMFS

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Lançado em Feira de Santana o serviço Procon Móvel
Lançado em Feira de Santana o serviço Procon Móvel

Serviço disponibilizado na manhã desta quinta-feira (14/04/2011)

O serviço itinerante Procon Móvel, em defesa dos direitos dos consumidores, foi lançado na manhã desta quinta-feira (14/04) no bairro Feira X. A iniciativa, da Superintendência Municipal de Defesa do Consumidor em Feira de Santana visa democratizar o serviço, levando o acesso e a informação a todos os cidadãos, principalmente nas localidades mais carentes.

O superintendente do Procon, Rafael Pinto Cordeiro, observa que a iniciativa vai proporcionar o exercício da cidadania, facilitando a defesa dos direitos dos consumidores. “Com a implantação desse serviço, muitas pessoas que não tinham acesso a proteção e defesa dos seus direitos, muitas vezes por desconhecê-los, passam a contar com essa nova ferramenta”, frisou.

A iniciativa pioneira do Procon de Feira de Santana ir até o cidadão aprimora as relações de consumo entre cliente e fornecedores de bens e serviços. “Um dos grandes desafios na defesa do consumidor é a prevenção através da educação para o consumo, que deve existir tanto por parte do consumidor quanto por parte dos fornecedores”, observou.

No bairro Feira X o serviço será disponibilizado no Ônibus Digital. Funcionará das 8hs às 12hs e das 14hs às 17hs. Depois segue para outros bairros, em datas ainda a serem definidas.

Jogo educativo no combate à dengue

Material começa a ser distribuídos nas escolas do município

Cerca de 50 mil crianças e adolescentes que integram a Rede Municipal de Ensino de Feira de Santana passam a ser multiplicadores das ações de combate à dengue. Na manhã desta quinta-feira (14), foi lançado no auditório da Secretaria Municipal de Saúde o jogo: “Os estudantes no combate à dengue”. A ferramenta educativa já está sendo distribuída em todas as 214 escolas do município.

O material foi desenvolvido através da parceria entre a Secretaria Municipal de Educação (Seduc), Secretaria Municipal de Saúde (SMS) e Secretaria Municipal de Comunicação Social (Secom). O prefeito Tarcízio Pimenta destacou a importância de ações preventivas no que diz respeito ao combate ao mosquito aedis aegypti, transmissor da dengue. “A idéia é ir a campo mesmo. E acionar todas forças possíveis. A dengue é um assunto que envolve todo o governo, e não apenas uma secretaria específica”, salientou.

O prefeito também destacou o controle no índice de infestação da dengue no município. “No ano passado, neste mesmo período, haviam movimentos na cidade para que não realizássemos a Micareta porque poderia haver um grande surto da doença. Mas nós superamos e hoje estamos com outra perspectiva”, comparou Tarcízio.

O secretário de Educação, José Raimundo de Azevedo, ressaltou que as ações educativas para o combate a dengue continuarão a ser executadas. “Vamos acatar a sugestão do prefeito e dentro em breve estar promovendo outras ações como caminhadas, mutirões e mobilizações com os alunos nos bairros, em suas próprias casas, com o objetivo de conscientizar às famílias”, destacou.

O secretário municipal de Saúde, Getúlio Barbosa, observa que as crianças são peças importantes dentro do processo de divulgação das ações preventivas. “A gente tem conseguido reduzir os índices de notificações. E isso se deve muito ao trabalho dos agentes de endemias. Por isso a importância da prevenção e as crianças são fundamentais neste sentido”, aponta.

A representante da Fundação Luis Eduardo Magalhães, Maria Cristina Leal, considera fundamental a parceria com a Prefeitura de Feira de Santana na execução de iniciativas que visam o combate a dengue. “Temos dez bairros sendo trabalhados em Feira e é preciso que as pessoas se conscientizem que a dengue não escolhe classe social. Todos podem ser afetados”, declarou.

Corregedoria da Guarda Municipal

Prepostos participam de curso visando a formação do órgão

Prepostos da Guarda Municipal de Feira de Santana estão participando de curso de capacitação visando à formação da Corregedoria do orgão. O evento, que começou na quarta-feira (13) e termina nesta quinta-feira (14), está sendo realizado no auditório do Serviço Móvel de Atendimento de Urgência (SAMU) e conta com a participação de 14 guardas municipais que vão intergrar a corregedoria.

O curso está sendo ministrado pelo secretário de Prevenção a Violência e Promoção dos Direitos Humanos, Mizael Freitas. Dentre os assuntos abordados, estão a Lei Complementar 01/94, a partir do artigo 143, que trata do processo administrativo disciplinar aplicado ao servidor público municipal, além do regulamento disciplinar e regimento interno da Guarda Municipal e conteúdo da Lei Federal 8.429/92, que versa sobre a improbidade administrativa em todos os poderes.

Segundo Mizael Freitas, o convênio do Programa Nacional de Segurança Pública com Cidadania (Pronasci) determina que seja instituída uma Corregedoria para todas as Guardas Municipais. “A função da Corregedoria será de fazer o controle interno da Guarda Municipal, bem como apurar todas as irregularidades funcionais de seus integrantes, com o objetivo de credibilizar as ações da instituição”, destaca.

Ele observa que após a conclusão do curso, a Corregedoria estará devidamente instituída. “Os membros estarão preparados para integrar as comissões que serão formadas para investigar qualquer irregularidade do servidor público da Guarda Municipal”, frisa.

As atividades do curso serão finalizadas nesta quinta-feira à tarde, com a realização de oficinas práticas do conteúdo abordado.

Fórum antidrogas tem apoio da Seprev

Evento acontece no Cuca nesta sexta-feira e sábado

A criminalidade e as drogas que tanto afetam jovens e adultos será tema do I Fórum Interdisciplinar de Criminalidade e Drogas que acontece nesta sexta-feira (15) e no sábado (16), no teatro do Centro Universitário de Cultura e Arte (Cuca). A iniciativa é uma realização dos estudantes que cursam o décimo semestre de Psicologia na Faculdade de Tecnologia e Ciências (FTC), e tem o apoio da Secretaria Municipal de Prevenção à Violência e Promoção dos Direitos Humanos (Seprev), bem como da Associação Baiana de Psicologia Jurídica (Psijur).

No primeiro dia do evento vai haver mini cursos pela manhã e à tarde, e no sábado a equipe vai organizar mesas redondas e palestras, inclusive com a participação do secretário de Prevenção à Violência, Mizael Freitas de Santana. O fórum também vai contar com a presença de juízes, advogados, assistentes sociais, psicólogos, psiquiatras e profissionais que atuam em centros de recuperação.

Uma das organizadoras do evento e estudante de psicologia, Morgana Alves, diz que o tema foi escolhido em razão do alto índice de violência em Feira de Santana. “Temos números acima do esperado, mas a psicologia pode contribuir no estudo do ser humano, sobre o que ele pensa, suas ações e o que é necessário para prevenir o uso das drogas”, ressalta Morgana.

Segundo o secretário de Prevenção à Violência, toda iniciativa que busca sensibilizar a população sobre a violência tem participação da Seprev. “Louvamos a ação desses estudantes, que só tende a motivar nossa comunidade para refletir sobre o tema. Na mesa redonda vou tratar justamente sobre a prevenção à violência”, disse. Mais informações pelo telefone (75) 8112 5842.

Plano do faxinaço apresentado em reunião

Ação será executada no Parque Ipê nesta quinta-feira

O plano de ação do faxinaço, que acontece nesta quinta-feira (14) no bairro Parque Ipê, foi apresentado pela coordenação municipal do Projeto de Mobilização Social para a Prevenção e o Controle da Dengue, na tarde desta quarta-feira (13), no auditório da Secretaria Municipal de Saúde (SMS).

O Projeto, as etapas já executadas e o diagnóstico do bairro, com detalhamento de problemas que podem ser solucionados pelo poder público ou cidadãos, também foram assuntos abordados na apresentação. Equipes da SMS, técnicos da Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (SESAB) e da Fundação Luís Eduardo Magalhães (FLEM), além de representantes das secretarias de Governo, Educação e Desenvolvimento Social, participaram da reunião.

Representando o secretário de Governo, Celso Pereira, o diretor do Departamento de Administrações Regionais, Jailson Onofre, destacou a importância da mobilização conjunta dos setores do governo e da sociedade. “O setor público precisa dar as mãos, porque é nossa responsabilidade participar dessa luta para erradicar a dengue no município. Isso está ao nosso alcance, não é algo impossível de acontecer”, frisou.

A diretora executiva do projeto, Cristina Motta Leal, acrescentou que “o engajamento maior das secretarias municipais vai permitir que as ações tenham mais credibilidade perante a sociedade”.

Durante o faxinaço, será realizado o recolhimento de lixo, pneus e entulho, visitas aos domicílios, orientação educativa quanto às medidas contra a proliferação do mosquito, eliminação dos criadouros e tratamento, além de distribuição de telas para cobrir os reservatórios de água.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 113566 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]