Instituto Claro promove oficinas gratuitas de experimentação audiovisual na Bahia

Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.
Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.

O Estado é o primeiro a receber o projeto Laboratório – Experimentações Audiovisuais, que acontece em conjunto com o Festival Nacional de Curtíssima Metragem – Claro Curtas

Para incentivar o aprimoramento de novos realizadores audiovisuais e reforçar o conceito educativo do Festival Nacional de Curtíssima Metragem – Claro Curtas, o Instituto Claro idealizou, juntamente com a produtora Casa Redonda e com os cineastas Philippe Barcinski e Marco Del Fiol, a realização do projeto Laboratório – Experimentações Audiovisuais. O objetivo da iniciativa é levar oficinas de produção de vídeo, com atividades práticas e teóricas que vão desde a estruturação da ideia até a captação e edição de imagens, a diversas cidades brasileiras.

Realizado em parceria com Secretaria de Cultura do Governo do Estado da Bahia, o Instituto Claro dará início a este circuito em Salvador. Coordenadas pelos cineastas Philippe Barcinski e Marco Del Fiol, e com a monitoria do também cineasta e educador baiano Lula Oliveira, as oficinas, abertas a todos os realizadores e interessados por audiovisual, percorrerão as cidades de Salvador (16 a 19 de abril), Santo Antônio de Jesus (28 e 29 de maio) e Ilhéus (31 de maio e 1 de junho). Em módulos de apenas dois dias em cada local, num processo intenso de aprendizado e experimentação, os participantes de cada oficina produzirão vídeos de até 3 minutos e ensaios fotográficos que serão publicados no site www.projetolaboratorio.com.br/ba e exibidos nas comunidades beneficiadas pela iniciativa.

“A produção audiovisual era, até bem pouco tempo, privilégio de poucos. Hoje, no entanto, criar, produzir, editar e difundir conteúdos audiovisuais está ao alcance de quase toda a população. Com um simples celular, câmera fotográfica digital ou webcam é possível captar imagens e sons. A plataforma Claro Curtas visa justamente isso: estimular a experimentação, o aprendizado, a criação, e a produção do audiovisual via dispositivos móveis por todo Brasil”, explica Carime Kanbour, vice-presidente do Instituto Claro.

Com o intuito de estimular experimentações audiovisuais também em ambientes educativos formais e informais, será realizada em Salvador uma oficina especial exclusiva para educadores sociais e professores, em parceria com o Instituto Anísio Teixeira – IAT e a Secretaria de Educação do Estado da Bahia. A intençãodeste módulo é sensibilizar educadores para as possibilidades de uso da linguagem audiovisual em sala de aula a partir de metodologias e equipamentos simples e acessíveis.

“Esta é uma oficina de linguagem. Não propomos uma formação do olhar, mas uma ‘reformação do olhar’. O participante é estimulado a fazer recortes do que vê e ‘organizar’ essas imagens num discurso poético próprio. Cada um faz suas fotos, grava suas imagens e edita seus vídeos. Em cada etapa o participante é convidado a refletir sobre a sua produção e a do grupo”, comenta o cineasta Marco Del Fiol.

Ainda em 2011, as oficinas do Laboratório – Experimentações Audiovisuais vão percorrer, além do estado da Bahia, outras regiões, como o Rio de Janeiro, Minas Gerais, Pará e Rio Grande do Sul, compondo um circuito de aprendizado, criação, produção e difusão de vídeos e fotografias capazes de demonstrar os potenciais regionais de expressão por meio da linguagem audiovisual, de forma acessível e democrática.

As oficinas do Circuito Bahia 2011 estão abertas a qualquer pessoa interessada em experimentar livremente sua criatividade produzindo fotos e vídeos de curta duração. Ao final das oficinas, além da publicação dos vídeos realizadosno site do projeto, as melhores fotografias produzidas serão publicadas na revista digital Laboratório Bahia para difusão em rede. A revista também estará disponível no endereço www.projetolaboratorio.com.br/ba. As fichas de inscrição estão disponíveis no mesmo site e deverão ser preenchidas e enviadas para o email [email protected]ório.com.br. As vagas são limitadas.

Sobre o Festival Nacional de Curtíssima Metragem – Claro Curtas

Lançada no dia 30 de março, dia do aniversário dos dois anos do Instituto Claro, a 3ª edição do Festival Nacional de Curtíssima Metragem – Claro Curtaspropõe o tema “O Tempo do Agora” e traz novidades. A partir deste ano, será dividido em quatro categorias:Alunos do ensino médio, Universitários, participantes de ONGs, Pontos de Cultura eCineclubes, e categoria Livre, voltada para os realizadores independentes. No total, serão premiados oito vídeos, sendo dois por categoria, além das instituições de ensino vinculadas aos vencedores (com exceção da categoria Livre) também serão premiadas. São R$ 100 mil reais em prêmios, distribuídos em barras de ouro, equipamentos de gravação e edição e cursos de linguagem audiovisual.Os interessados podem inscrever seus vídeos com duração entre 30 e 90 segundos feitos utilizando celulares, webcams, câmeras fotográficas digitais ou outros dispositivos móveis até o dia 17 de junho. Mais informações no site www.clarocurtas.com.br.

Agenda 

Salvador

15 de abril: Lançamento do Festival Nacional de Curtíssima Metragem – Claro Curtas e das Oficinas Bahia do projeto Laboratório, com palestra AUDIOVISUAL E MÍDIAS MÓVEIS, novas fronteiras de experimentação, expressão e aprendizado

Palestrante: Marco Del Fiol
Horário: 19h
Local: Biblioteca Pública do Estado da Bahia
Endereço: Rua General Labatut, 27 – Barris

16 e 17 de abril:Oficina LABORATÓRIO para Realizadores Audiovisuais
Horário: das 8h às 19h
Local: Biblioteca Pública do Estado da Bahia
Endereço: Rua General Labatut, 27 – Barris

18 e 19 de abril: Oficina LABORATÓRIO para Educadores
Horário: das 13h às 18h
Local: Instituto Anísio Teixeira – IAT(Colégio Estadual Odorico Tavares)
Endereço: Av. 7 de Setembro, s/n – Vitória

Santo Antônio de Jesus

28 e 29 de maio: Oficina LABORATÓRIO para Realizadores Audiovisuais
Horário: das 8h às 19h
Local: UNEB Campus V
Endereço: Loteamento Jardim Bahia, s/n – Centro

Ilheus

31/05 e 01/06: Oficina LABORATÓRIO para Realizadores Audiovisuais
Horário: das 8h às 19h
Local: Fundação Cultural de Ilhéus
Endereço: Rua Jorge Amado, 21 – Centro

Sobre o Instituto Claro
Criado em março de 2009, tem como missão estimular a discussão e o desenvolvimento de iniciativas educacionais inovadoras e lúdicas, por meio das novas tecnologias de informação e comunicação. O Instituto Claro apoia a revisão, o debate e a inovação das práticas de ensino, compatíveis com a realidade e demandas atuais da sociedade. Além disso, o Instituto trabalha em todos os seus projetos a questão do empreendedorismo social, promovendo a transformação de ideias em oportunidades para a aprendizagem e para o desenvolvimento comunitário. Atualmente, entre os principais projetos do Instituto Claro estão: o Festival Nacional de Curtíssima Metragem – Claro Curtas, o Prêmio do Instituto Claro, o Programa de Doação ao FIA (Fundo da Infância e da Adolescência), o Claro Recicla e o Programa Voluntários em Ação.

Saiba +

www.claro.com.br/imprensa

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 111211 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]