Espetáculo Herança sagrada é atração do projeto domingo no TCA em Salvador

Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.
Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.

Para comemorar o Mês da Dança, agora em abril, o projeto Domingo no TCA reservou uma atração de prestígio internacional, o Balé Folclórico da Bahia (BFB), com o espetáculo ‘Herança Sagrada’, sob a direção geral de Walson Botelho e direção artística de Zebrinha, de volta a Salvador após três meses de sucesso nos Estados Unidos.

A apresentação única será no próximo domingo (10/04/2011), na Sala Principal do Teatro Castro Alves, às 11h, com ingressos (inteira) a R$ 1 vendidos no mesmo dia, a partir das 9h, e acesso imediato do público.

Antes do Balé, às 10h, o grupo Teatro Nu fará a abertura da programação do dia com o espetáculo ‘O Pedido de Casamento’, peça de 30 minutos reunindo os atores Fafá Menezes, Marcelo Praddo e Carlos Betão, sob direção de Gil Vicente Tavares.

Única companhia de dança folclórica profissional do país, o BFB nasceu em 1988 e, no ano de 1994, foi considerado pela Associação Mundial de Críticos como a “melhor companhia de dança folclórica do mundo”. Na recente turnê norte-americana, o jornal The New York Times estampou em crítica de duas páginas a manchete ‘Jornadas Fantásticas – Quando o Balé Folclórico da Bahia aporta em Nova Iorque é tempo de festa’.

‘Herança Sagrada’ estreou no Teatro Castro Alves, em 2008, por ocasião dos 20 anos do BFB, porém foi modificado e revisado para a turnê, com duração de três meses, por 30 cidades norte-americanas. O espetáculo foi aplaudido por cerca de 100 mil pessoas, incluindo celebridades artísticas como a cantora lírica Jessye Norman, Gloria Estefan, Danny Glover, David Parsons, Anne Hathaway, Harry Belafonte e Steven Spielberg.

“O retorno do Balé Folclórico da Bahia aos Estados Unidos numa grande turnê como esta representa uma conquista, não só para a Bahia, mas para a dança do país inteiro”, comemora Walson Botelho.

Ritual no palco

Vinte e cinco bailarinos, cantores e músicos se apresentam em ‘Herança Sagrada’, que tem início com um ritual onde Obatalá, criador do universo Iorubá, traz para a Terra o primeiro filho e orixá, Exu, deixando-o responsável por dar vida a todos os seres animados e ser o principal mensageiro entre os segredos do Orun (firmamento) e o Aiyê (a terra).

Nas cerimônias, novos adeptos são iniciados e saudados pelas Divindades do panteão religioso africano, a exemplo de Ogum, o orixá que representa a força da natureza contida no ferro e nas guerras, Oxum (Deusa que encarna a força das águas doces, rios, cascatas), Obaluaiyê (orixá das enfermidades e da morte), Iansã (que representa a força dos ventos e das tempestades), e Oxóssi (protetor das florestas, caças e caçadores).

A segunda parte do espetáculo mostra as mais importantes manifestações folclóricas baianas, a exemplo da puxada de rede, capoeira, samba de roda, além da coreografia ‘Afixirê’, um clássico do repertório do Balé Folclórico da Bahia.

Redação do Jornal Grande Bahia
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 108745 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]