Bahia é o estado que menos investe por aluno ao ano, aponta relatório

Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.
Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.

A Bahia é o estado da federação com o menor investimento público por aluno de educação básica ao ano: R$ 1.766,94. Paraíba e Amazonas aparecem em seguida,com R$ 1.802,39 e R$ 1.868,07, respectivamente. Na outra ponta, o Distrito Federal é a unidade da Federação com o maior investimento: R$ 4.834,43, seguido por Roraima, com R$ 4.365,37 gastos anualmente, por estudante. Os dados fazem parte do relatório do movimento Todos pela Educação, divulgado nesta quarta-feira, 1º. Aentidade criou cinco metas de acesso e qualidade da educação no Brasil e acompanha os resultados periodicamente.

A meta cinco refere-se justamente ao investimento público na educação básica. A entidade defende que o país invista 5% do Produto Interno Bruto (PIB) na área, patamar que deve ser atingido ainda este ano e mantido até 2022. Os dados mostram que em 2009 o país aplicou 4,3% do PIB no setor. O relatório aponta que, mantido o ritmo de crescimento dos últimos anos, o percentual não será atingido.

O estudo também traz análises sobre o acesso da população de 4 a 17 anos à escola,a alfabetização das crianças até 8 anos de idade, o aprendizado adequado dos alunos por série e a conclusão do ensino médio até 19 anos.

De acordo com a análise, o gasto educacional por aluno não tem relação com a região do país ou com a renda média da população do estado. Os recursos públicos investidos em cada estudante cresceram nos últimos anos, mas ainda variam muito de acordo com a unidade da federação: 12 estados investem menos do que a média nacional – R$ 2.948 ao ano por aluno.

*Com informação: [email protected]

 

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 109691 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]