Senado Federal | Comissão aprova requerimento de Lídice para debater transmissões dos jogos de futebol

Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.
Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.

Comissão de Educação, Cultura e Esporte (CE) aprovou hoje o requerimento de autoria da senadora Lídice da Mata (PSB-BA) para realização de audiência pública visando o debate sobre os direitos de transmissão dos jogos de futebol. O requerimento sugere que sejam convidados para debater com os senadores o presidente da Confederação Brasileira de Futebol, Ricardo Teixeira, o presidente do Clube dos 13, Fábio Koff, e representantes dos canais de TV aberta.

Na próxima sessão da Comissão, que será realizada no dia 29 deste mês, deverá ser colocada em votação uma lista com mais nomes para debater o assunto nas audiências públicas. Um desses convidados deverá ser o presidente do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (CADE), Fernando Furlan. A senadora Lídice da Mata justificou seu requerimento afirmando que as transmissões conforme estão sendo negociados no momento poderão afetar negativamente alguns clubes, principalmente os que tem influência regional, mas não tem projeção nacional.

“Não podemos privar o torcedor de ver seu time. Da forma como as negociações estão sendo feitas poderá ocorrer um encolhimento dos times regionais que tem grandes torcidas, mas não tem projeção nacional”, afirmou Lídice. A senadora lembrou do Bahia e do Vitória que juntos possuem grandes torcidas, mas que poderiam ser prejudicados pelo sistema de transmissão que está sendo delineado.

Durante a votação do requerimento de Lídice, o senador Álvaro Dias (PSDB-PR) ressaltou que o campeonato inglês movimento por ano cerca de US$ 6 bilhões, enquanto que o campeonato brasileiro gera apenas R$ 600 milhões. Além da pouca movimentação de recursos, se comparado com outros países, Lídice afirmou que deixando os clubes de importância regional de fora, as transmissões poderão se restringir a poucos clubes grandes e principalmente da Região Sudeste.

“Essa forma de transmissão que está sendo negociada pode até valer em outros países, como a Espanha que tem dois clubes fortes, que são o Barcelona e o Real Madri, mas no Brasil é diferente por ter muitos clubes e, principalmente, clubes de influência regional com grandes torcidas”, disse ela.

Sobre Alberto Peixoto 488 Artigos
Antonio Alberto de Oliveira Peixoto, nasceu em Feira de Santana, em 3 de setembro de 1950, é Bacharel em Administração de Empresas pela UNIFACS, e funcionário público lotado na Secretaria da Fazenda do Estado da Bahia, atua como articulista do Jornal Grande Bahia, escrevendo semanalmente, é escritor e tem entre as obras publicadas os livros de contos: 'Estórias que Deus Duvida', 'O Enterro da Sogra, 'Único Espermatozoide', 'Dasdores a Difícil Vida Fácil', participou da coletânea 'Bahia de Todos em Contos', Vol. III, através da editora Òmnira. Também atua incentivador da cultura nordestina, sendo conselheiro da Fundação Òmnira de Assistência Cultural e Comunitária, realizando atividades em favor de comunidades carentes de Salvador, Feira de Santana e Santo Antonio de Jesus. É Membro da Academia de Letras do Recôncavo (ALER), ocupando a cadeira de número 26. E-mail para contato: [email protected] Saiba mais sobre o autor visitando o endereço eletrônico http://www.albertopeixoto.com.br.