Secretários debatem andamento das obras do PAC no Estado da Bahia

Secretários debatem andamento das obras do PAC no Estado da Bahia.
Secretários debatem andamento das obras do PAC no Estado da Bahia.
Secretários debatem andamento das obras do PAC no Estado da Bahia.
Secretários debatem andamento das obras do PAC no Estado da Bahia.

A Bahia é o estado líder no Nordeste na captação de recursos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). Para que a execução dos projetos continue dentro do previsto, secretários e outros representantes do governo estadual se reuniram nesta quinta-feira (10/03/2011), no Salão de Atos da Governadoria, e trataram, dentre outros assuntos, do andamento das obras, cronogramas financeiros e eventuais demandas.

Na avaliação da coordenadora estadual do PAC e secretária da Casa Civil, Eva Chiavon, a reunião foi muito positiva. “Como diz a presidente Dilma Rousseff, ‘obras do PAC não devem ter atraso’. Portanto estamos dando conta do encaminhamento dos projetos e prestação de contas para que os trabalhos continuem em bom andamento, como tem ocorrido com a Ferrovia Oeste-Leste, a Via Expressa, a Arena Fonte Nova e obras de saneamento”, disse.

Coordenador executivo da Casa Civil, Luiz Henrique d’Utra lembrou que esse tipo de reunião tem ocorrido regularmente e envolve o comitê gestor e o grupo executivo do PAC, “ou seja, a área estratégica e a executora do governo”. Responsável pela articulação e monitoramento do PAC na Bahia, ele afirmou que o objetivo dos encontros “é buscar soluções e encaminhamento para possíveis entraves”.

A primeira fase do programa permitiu investimentos de R$ 42 bilhões, com execução pelo Governo da Bahia, de R$ 3,96 bilhões. São projetos nas áreas do saneamento, abastecimento de água, habitação, transportes e infraestrutura. Entre as obras já executadas estão o Sistema Viário Dois de Julho, a dragagem e aprofundamento dos portos de Salvador e de Aratu, além das pontes das BRs 030 e 116.

Durante a reunião, foram avaliadas várias obras em andamento como a Via Expressa Baía de Todos-os-Santos e a Arena Fonte Nova (em Salvador). Também foi avaliado o Sistema Adutor do Rio São Francisco, que levará água para a região de Irecê. Orçada em R$ 75 milhões, viabilizados pelo Governo do Estado, a primeira etapa do projeto também se encontra em fase de execução.

Projeto Nordeste da Bahia

Com metade da obra já concluída, o andamento do Projeto Nordeste da Bahia, que aproveitará água do ‘Aquífero Tucano’, também foi avaliado durante o encontro. O projeto será responsável pelo abastecimento das localidades de Sítio da Conceição, São José, Lagoa do Barro, Lagoa dos Ninhos, São Francisco, Lagoa Seca, Papamel e Jurema, no município de Adustina.

Comunidades de outros municípios também serão contempladas pelo projeto, a exemplo de Vila São Pedro e Mandacaru, em Cícero Dantas, Lagoa Preta, Roça Nova, Taquara, Capivara, Garrincheira, Mulungu, Cabeça da Serra e Baixão, em Paripiranga, e Sujoa, Raso Pintado, Serra Velha e Umbuzeiro, no município de Fátima.

O PAC 2, lançado pelo governo federal, dará continuidade aos projetos iniciados na primeira fase do programa, e implantará outras obras de abastecimento de água e de saneamento no estado, contemplando comunidades quilombolas e unidades escolares do interior baiano. O projeto prevê ainda mais investimentos em eletrificação, urbanização, produção de energia eólica, aeroportos, portos e hidrovias, construções de creches e bases comunitárias de segurança.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 112650 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: ed[email protected]