Elucidado latrocínio de empresário feirense e polícia aponta como autores: Sérgio Sampaio de Macêdo Ribeiro e Wallace Sampaio Marcelino

Elucidado latrocínio de empresário feirense e polícia aponta como autores: Sérgio Sampaio de Macêdo Ribeiro e Wallace Sampaio Marcelino.
Elucidado latrocínio de empresário feirense e polícia aponta como autores: Sérgio Sampaio de Macêdo Ribeiro e Wallace Sampaio Marcelino.

Em diligências realizadas pela 12ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Itaberaba) e delegacia territorial de Ruy Barbosa, foram presos em flagrante ontem (21/03/2011), na zona rural deste município, Sérgio Sampaio de Macêdo Ribeiro, 23 anos, e Wallace Sampaio Marcelino, mais conhecido como “Lula”, 24, autores do latrocínio que teve como vítima o médico e empresário Carlos Augusto Boaventura Prado. Na oportunidade, foi também apreendido um adolescente, que teve participação no crime.

O médico, de 56 anos, desapareceu na última sexta-feira (18), após visitar uma fazenda de sua propriedade no povoado de Jequitibá, em Ruy Barbosa, e por se tratar de um grande criador de bovinos, a polícia trabalhou inicialmente com a hipótese de sequestro, descartada logo após a localização do corpo e da oitiva das primeiras testemunhas.

“Constatou-se então a existência de um latrocínio, roubo seguido de morte”, explicou o delegado Jorge Figueiredo, coordenador da 12ª Coorpin, observando que Sérgio e Lula assumiram a autoria do crime e apontaram José Sampaio Marcelino, de apelido “Nengo”, 32 anos, e Marcioney Lima Silva, o “Ney”, 28, também moradores daquela região, como cúmplices. Vaqueiro da fazenda pertencente à vítima, Sérgio confessou, em depoimento, que nos últimos meses havia furtado 16 cabeças de gado do seu empregador, acrescentando que, na semana do crime, a vítima descobrira e ameaçara denunciá-lo à polícia.

Depoimento

“Eles contaram que abordaram a vítima na saída da fazenda e o mantiveram como refém ainda dentro da propriedade rural. Em seguida, o amordaçaram, prenderam-no numa árvore e o executaram com um disparo de arma de fogo na cabeça”, revelou o delegado, esclarecendo que Sérgio convencera os comparsas de que o empresário estaria no dia do crime com uma grande quantia em dinheiro, além de cheques, proveniente da sua atividade comercial.

Informou ainda que o veículo da vítima – um Volkswagen, modelo Voyage – foi localizado no distrito de Riachuelo, município de Mundo Novo, numa ribanceira, com o intuito de dificultar a localização. Sérgio e Wallace foram indiciados pelos crimes de latrocínio, ocultação de cadáver e formação de quadrilha. Já o adolescente será encaminhado ao Ministério Público, com representação pelo seu internamento.

Nengo e Ney, co-autores do delito, continuam foragidos, embora com mandados de prisão preventiva decretados pela Justiça local. “Ainda precisamos esclarecer alguns fatos, o que acontecerá com a reconstituição da cena do crime”, afirmou Jorge Figueiredo.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 111032 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]