Descaso para com a educação na Bahia gera protestos, por parte de estudantes da UESB, durante visita do governador Jaques Wagner em Jequié

Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.


A manifestação foi organizada por grupos de estudantes da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (UESB), os quais cobraram do governo Jaques Wagner (PT) melhorias urgentes na infraestrutura da Universidade.

O Coordenador de Imprensa e Divulgação do Centro Acadêmico de Fisioterapia, Thiago Meira, que quinta-feira (25/03/2011), falando a respeito do protesto estudantil disse que o prédio planejado em 2003 para aumentar o número de salas de aula, foi construído apenas seis. Apesar de quatro novos cursos serem criados; o restaurante universitário prometido não saiu do papel; a reforma do ginásio de esportes está se arrastando há um ano; a prometida pavimentação da área interna do campus não foi feita e há defasagem no número de professores “apenas citando como exemplo o 8º semestre de Educação Física, para um total oito disciplinas faltam professores em três matérias”, desabafou.

Ainda segundo os estudantes, vários cursos estão passando por dificuldades a exemplo do curso de medicina, por falta de condições técnicas, teve que ser suspenso. Os estudantes chegaram a conversar com o governador que prometeu soluções para o problema da UESB em Jequié.

A população aproveitou e também protestou contra o fechamento do escritório do IMA, bem como a interdição de Delegacia, e o abandono do distrito industrial, que por sua vez ainda reivindicaram uma nova universidade no município. Logo após o Governador seguiu de Helicóptero para o município de Jaguaquara, para reinauguração de uma rodovia.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

About the Author

Redação do Jornal Grande Bahia
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]