Confira a coluna de Antonio José Larangeira de 25 de fevereiro de 2011

Antônio José Larangeira.
Antônio José Larangeira.

Ribeiro, o conciliador

Na qualidade de conciliador, o  presidente da Câmara de Vereadores de Feira de Santana, Antônio Francisco Neto – Ribeiro declarou  que assim se manterá na  principal cadeira da Casa com tranqüilidade, buscando a harmonia e muita responsabilidade nos trabalhos legislativos. É com essa postura que ele pretende conciliar os embates que podem ocorrer entre oposição e governo.

Perini em Feira

Conforme noticiamos em colunas anteriores, ocupará parte do ex-Supermercado J.Santos, localizado na avenida Getulio Vargas, a primeira loja do ramo de alimentação e bebidas da rede Perini, em Feira de Santana. A outra área ficou com a Giraffas. A Perini  foi fundada há 45 anos por José (Pepe) Faro Rua e um seu tio em Salvador, onde possui na atualidade 8 lojas (Perini Master, Perini Pituba, Perini Barra, Shopping Iguatemi, Shopping Barra e Shopping Paralela) e pertence a rede de supermercados GBarbosa.

Matiz e Porto Seguro

O verão de Porto Seguro está ainda mais colorido. A Coral levou até a cidade o projeto “Tudo de Cor Para Você” e transformou mais de 150 fachadas do casario  histórico da cidade. Uma experiência emocionante que a feirense Matiz acompanhou de perto, representada pela diretora Ieda Pereira. A paleta de cores aplicada na cidade foi escolhida através de um estudo criterioso da Associação dos Arquitetos e Urbanistas da Costa do Descobrimento (ARCODE), em conjunto com a população local. “Mais uma vez comprovei a transformação que a cor promove na vida das pessoas que, no momento em que viam suas casas tão coloridas, eram só sorrisos, só agradecimentos”, contou Ieda Pereira.

Expo Copa

O deputado estadual, José de Arimatéia (PRB), liderou o grupo de parlamentares feirenses que indicou que o Parque de Exposição João Martins da Silva de Feira de Santana receba a “Expo Copa 2014” – feira de negócios da Copa do Mundo a ser realizada no Brasil em 2014. Dirigido ao Governador Jaques Wagner, o texto apresenta como argumentos a localização privilegiada da cidade, sua importância econômica para a Bahia e a experiência na realização de eventos anuais como a Micareta e a Expofeira. A indicação é conseqüência da reunião da qual José de Arimatéia participou no dia 4 de fevereiro, na Secretaria Extraordinária para Assuntos da Copa do Mundo da FIFA Brasil 2014 (SECOPA). Na ocasião, o deputado integrou a comissão formada pelos secretários municipais de Feira de Santana, Magno Felzemburgh (Desenvolvimento Econômico) e Mizael Freitas de Santana (Prevenção a Violência), que discutiram com o secretário estadual Ney Campello as estratégias já adotadas pelo município para receber eventos relacionados à Copa do Mundo 2014. “A proposta do governo estadual de interiorização da Copa é propícia e pede que os municípios baianos mostrem iniciativa, apresentando possíveis soluções”, sentencia Arimatéia.

Terapia

Os avanços e perspectivas do cuidado na terapia intravenosa serão foco de workshop na Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs). Às atividades serão desenvolvidas de 31 de março a 2 de abril, mas as inscrições já estão abertas. O 1º Workshop de Terapia Intravenosa tem o objetivo de aprofundar os conhecimentos e o debate entre os profissionais de saúde visando a redução de riscos nos procedimentos em unidades de saúde, através da prevenção. A programação científica, as orientações para inscrição e outras informações estão disponíveis no site www.sites.google.com/site/eventotivuefs. O evento é promovido pela Comissão de Formatura de Enfermagem 2006.2.

Festival

A boa música regional mais uma vez terá lugar de destaque, com a realização do 4º Festival de Sanfoneiros de Feira de Santana. A iniciativa é do Centro Universitário de Cultura e Arte (CUCA). As inscrições são gratuitas e estão abertas até 20 de abril, podendo ser realizadas no horário das 8h às 11h30 e das 14h às 17h30, de segunda a sexta-feira. Sanfoneiros de outras cidades poderão fazer a inscrição por meio dos Correios até o dia 10 de abril. Do total de inscritos, 12 participantes serão selecionados para integrar o Festival. A seleção será realizada por uma comissão composta de três profissionais da área de música e com conhecimento em tradições nordestinas. Os três primeiros colocados receberão prêmios em dinheiro e troféus. Caberá ao primeiro colocado o prêmio no valor de R$ 3.500; o segundo R$ 2.500 e o terceiro lugar 1.500. Há ainda o prêmio especial Júri Popular, no valor de R$ 1.000, além do troféu. Em caso de empate na votação do júri popular, será premiado o sanfoneiro que apresentar a maior idade. O Festival está programado para o dia 6 de maio, no Centro de Cultura Amélio Amorim.

 Esta coluna é publicada nos sítios jornalísticos: 

Jornal Grande Bahia,

Tribuna da Bahia e

Notícias da Bahia

Sobre Antonio José Larangeira 3095 Artigos
Antonio José Larangeira nasceu em 11 de janeiro de 1945, é natural de Santo Amaro da Purificação (BA), é formado em Administração, pela Faculdade Anísio Teixeira (FAT). Atua como jornalista profissional, com registro nº 514 (SINJORBA/FENAJ) e publica coluna diária nos jornais Grande Bahia, Pátria Latina e Tribuna da Bahia. E-mail: [email protected]