Nomes dos policiais responsáveis pela agressão ao jovem em Feira de Santana são divulgados e Graça Pimenta destaca papel da Justiça Militar

Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.
Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.

Foi decretada, nesta segunda-feira (14), prisão preventiva dos soldados PMs  responsáveis pelas bárbaras agressões cometidas contra o jovem de apenas 15. O ato de violência e arbitrariedade foi cometido na Av. João Durval, em Feira de Santana, na quinta-feira (10) e captado por câmaras de segurança de uma loja no local.

Inicialmente, talvez por um ato corporativista, a imprensa teve sérias dificuldades no campo de obtenção das informações dos nomes dos agressores junto ao órgão policial. Mas, finalmente, o bom senso prevaleceu e os nomes dos envolvidos na agressão foram divulgados: Luciano Logrado Peixoto e Eric Sátiro Vitório, ambos integrantes da 67ª CIPM, Feira de Santana.

A prisão foi solicitada à Justiça Militar pelo presidente do Inquérito Policial Militar, o Capitão PM José da Silva Lima, com o objetivo de evitar qualquer interferência nos procedimentos de apuração. Os policiais militares foram apresentados na Corregedoria da PM e permanecerão custodiados no Centro de Custódia Provisória, CCP, localizado no Batalhão de Choque, Lauro de Freitas.

Graça Pimenta parabeniza ação da Justiça Militar

A deputada estadual Graça Pimenta (PR) parabenizou a atuação da Justiça Militar com a decretação da Prisão Preventiva dos policiais militares acusados de agredir um adolescente em Feira de Santana, no último dia 9 de fevereiro. A prisão dos policiais foi realizada nesta segunda-feira (14).

Mesmo com a decretação das prisões, a deputada estadual Graça Pimenta afirma que vai solicitar à Comissão de Direitos Humanos da Assembléia Legislativa da Bahia (AL) e ao governador Jaques Wagner rigor na apuração do caso. A solicitação vai ser protocolada ainda esta semana.

“Parabenizo a Justiça Militar e a Polícia Militar pela agilidade na condução dos trabalhos. Ainda assim estarei acompanhando a apuração dos fatos”, afirma a deputada.

A agressão foi praticada por dois policiais militares contra um adolescente na avenida João Durval, em Feira de Santana. O fato chocou a opinião pública pela violência utilizada pelos policiais na abordagem. A ação, considerada desastrosa, foi registrada por câmeras de segurança de um estabelecimento comercial.

Leia mais

Os deputados estaduais Carlos Geilson e Graça Pimenta repudiam violência praticada por policiais militares contra menor em Feira de Santana

 OAB se pronuncia sobre ação truculenta da Polícia Militar

Sobre Carlos Augusto 9706 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).