Ministro explica desligamento de energia ocorrido em oito estados da região Nordeste

Ministro Edison Lobão concedeu entrevista para explicar o desabastecimento de eletricidade na região Nordeste.
Ministro Edison Lobão concedeu entrevista para explicar o desabastecimento de eletricidade na região Nordeste.
Ministro Edison Lobão concedeu entrevista para explicar o desabastecimento de eletricidade na região Nordeste.
Ministro Edison Lobão concedeu entrevista para explicar o desabastecimento de eletricidade na região Nordeste.

De posse de relatório (veja aqui em PDF) do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), o ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, explicou, na manhã desta sexta-feira (04/02/2011), o desligamento automático de linhas de transmissão que provocou o desabastecimento em oito estados da região Nordeste. No documento, o ONS informou que as causas do acidente vem sendo investigadas e, além disso, o ocorrido será objeto de análise detalhada em reunião que acontecerá na próxima segunda-feira (07/02), no Rio de Janeiro.

A desligamento se deu aos 21 minutos desta sexta-feira e afetou o conjunto de empresas como Chesf,STN, ITN,TSN e todas as geradoras, transmissoras e distribuidoras dos estados do Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco, Alagoas, Sergipe, Piauí e Bahia. A primeira ocorrência, conforme relatório, aconteceu às 00h08m quando houve o desligamento automático da LT (Linha de Transmissão) 500 kV Sobradinho / Luiz Gonzaga C1 e da Barra 1 de 500 kV da SE Luiz Gonzaga. Além disso, a LT 500 kV São João do Piauí / Milagres se encontrava desligada desde às 17h25m do dia anterior para manutenção de urgência.

O documento divulgado pelo ministro Lobão informa que às 00h21m, durante tentativa de normalização da LT 500 kV Sobradinho / Luiz Gonzaga C1, ocorreu o desligamento automático da Barra 2 de 500 kV da SE Luiz Gonzaga, devido a anormalidade no sistema de proteção de falha de disjuntor desta instalação, e em função da configuração desta SE, os desligamentos automáticos da LT 500 kV Luiz Gonzaga/Milagres e da LT 500 kV Sobradinho/Luiz Gonzaga C2.

A partir daí e, em função destes desligamentos, iniciou-se um processo de oscilação de potência, culminando com os desligamentos automáticos das LTs 500 kV Teresina II/Sobral III C1 e C2 (interligação Norte/Nordeste) e LT 500 kV Rio das Éguas/Bom Jesus da Lapa II (interligação Sudeste/Nordeste), pelas atuações das proteções de Perda de Sincronismo (PPS). Estes desligamentos acarretaram a separação da Região Nordeste do restante do Sistema Interligado Nacional, permanecendo entretanto supridos radialmente pelo SIN as áreas Sudoeste (Sobradinho e Irecê- 230 kV) e Oeste (Teresina, Piripiri, Picos, Eliseu Martins e Boa Esperança -230 kV) da Região Nordeste, totalizando cerca de 800 MW.

O relatório diz que houve interrupção de 5.754 MW de cargas envolvendo os Estados do Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco, Alagoas, Sergipe, Piauí e Bahia, e que estes estados ficaram ilhados do SIN (Sistema Interligado Nacional), permanecendo uma carga suprida de 2.316 MW, que foi totalmente desligada à 00h29m, com a perda da geração remanescente, frente às condições degradadas de frequência e tensão.

Porém, a rápida ação dos técnicos posibilitaram o reestabelecimento de energia elétrica com a normalização total concluída às 04h39m em toda região Nordeste.

Mais rigor na fiscalização e manutenção dos serviços do setor elétrico brasileiro

Rodrigo Baena disse que presidenta Dilma Rousseff recomendou ao ministro Lobão que as concessionárias reforcem a manutenção dos serviços. Foto: Rafael Alencar/PR

A presidenta Dilma Rousseff determinou ao ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, e à Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) que reforcem a fiscalização preventiva e determinou que as concessionárias ampliem a manutenção dos serviços. A informação foi transmitida pelo porta-voz da Presidência da República, Rodrigo Baena, em briefing no Palácio do Planalto.

Redação do Jornal Grande Bahia
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 107981 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]