Brasil tem déficit na Engenharia que prejudica avanços da área

Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.

Devido ao crescimento da construção civil atrelado aos avanços do setor de energia e tecnologia, o mercado brasileiro vem sofrendo com a carência de profissionais de engenharia nas diversas áreas. Com a possibilidade de sanar esse déficit, a Faculdade ÁREA1, única 100% engenharia da Bahia, está com inscrições abertas para o Vestibular 2011.1 até o dia 21 de janeiro. As provas serão realizadas no campus da instituição, na Paralela, no dia 22 de janeiro, das 09h às 12h. Mais informações pelo site www.area1fte.edu.br ou pelo telefone (71) 2106-3911.

Em uma recente pesquisa, constatou-se que apenas 8% dos graduandos do país fazem Engenharia. Para comparar, na China aumenta para 20%. Esse percentual é abaixo do necessário e gera falta de profissionais nas possibilidades de atuação do engenheiro. “Temos que acabar com esse mito de que o profissional de engenharia só trabalha em obras e construções. Muitos terminam a graduação e exercem atribuições administrativas. Um engenheiro de produção, por exemplo, pode atuar em um banco”, explica Raul San Martin, coordenador de Engenharia de Produção da ÁREA1.

Estima-se que o Brasil precise formar 20 mil engenheiros a mais, por ano. Para o Coordenador de Engenharia Ambiental, Roberto Márcio, o mercado tende a crescer cada vez mais. “Os empresários de qualquer ramo, de pequeno, médio e grande porte, precisam se adequar com as engenharias, para administrarem as suas respectivas empresas. Não se admite mais construir em locais sem licenças ambientais”, conclui Roberto Márcio, completando que para isso é necessário um maior número de profissionais capacitados na área.

Atualmente, a Faculdade ÁREA1 oferece os cursos de Engenharia Ambiental, Engenharia de Computação, Engenharia Elétrica, Engenharia de Produção, Engenharia Mecatrônica e o novo curso de Engenharia Civil. A instituição de ensino é referência em Engenharia e Tecnologia em Salvador, investindo periodicamente em novos laboratórios, para acompanhar os avanços tecnológicos e projetar os alunos para o mercado internacional.

Pelo fato de oferecer diversas opções da área, a ÁREA1 permite que o estudante de engenharia adquira mais conhecimentos. “Aqui no curso de mecatrônica trabalhamos muito com a robótica, que exige noção em controle e automação. O aluno precisa saber sobre elétrica e computação para poder programar e executar o sistema”, completa Lázaro Silva, coordenador de Engenharia Mecatrônica da faculdade.

A Faculdade ÁREA1 faz parte do grupo internacional DeVry Brasil que oferece mais de 28 cursos, para mais de 10 mil estudantes. O grupo também disponibiliza aos alunos Programas Internacionais, que possibilitam realizar um intercâmbio entre as faculdades da empresa, em todo o mundo. Para este programa é destinado uma quantidade específica de vagas e o aluno selecionado paga o mesmo valor da mensalidade que ele pagaria na faculdade de origem.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

About the Author

Redação do Jornal Grande Bahia
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]