Dirigentes de escolas estaduais socializam experiências no último encontro de 2010

Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.

Mais de 300 dirigentes das unidades escolares da rede estadual de ensino participaram da última reunião de avaliação do ano. Os encontros, que acontecem mensalmente, têm o objetivo de compartilhar experiências exitosas e inovadoras e também as dificuldades enfrentadas no dia a dia das escolas. Na manhã desta sexta-feira (17/12/2010), os diretores das escolas da região metropolitana e bairros da periferia de Salvador se reuniram no Complexo Oscar Cordeiro, na Calçada. Em pauta, entre outros assuntos, o processo de matrícula, jornada pedagógica e organização das unidades para o início do letivo 2011, previsto para 7 de fevereiro.

O Escola 10 – projeto que prevê a constituição de uma rede de apoio a melhorias nas unidades escolares, por meio do Núcleo Intersetorial de Planejamento e Monitoramento das Unidades Escolares da Rede Estadual, da Secretaria da Educação do Estado da Bahia – foi considerado o pontapé inicial para os avanços constatados nas unidades baianas no ano de 2010.
“O apoio às escolas e a assistência direta da diretoria regional foram essenciais para alcançarmos resultados positivos. Fechamos o ano letivo com muitas conquistas, a exemplo dos reparos da rede física e o apoio do Programa Nacional do Livro Didático – PNLD” relatou Ilinalva França, diretora do Colégio da Polícia Militar João Florêncio Gomes, na Ribeira, onde estudam 1.386 estudantes.
Também satisfeito com a atual política educacional do Estado, que vem  sendo implantada pela Secretaria da Educação, nos últimos anos, o diretor do Colégio Modelo Luiz Eduardo Magalhães, na av, San Martin, afirma que, este ano, as dificuldades na unidade foram inferiores, em relação aos anos anteriores, e, para 2011, a expectativa é a de que haja mais avanços na rede física e pedagógica. “Com a atualização dos projetos político-pedagógicos, atendendo às novas demandas e interesses da comunidade escolar. A tendência é que haja avanços nos Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb)”, considera.
Exemplo – Localizado no Bairro da Paz, em Salvador, o Colégio Mestre Paulo dos Anjos é um exemplo de que a qualidade no ensino pode superar dificuldades estruturais enfrentadas por alunos e professores. O colégio que ainda funciona em prédio alugado, enquanto não é finalizada a construção da nova sede, conseguiu obter, em 2009, a média 3,6 no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), referente ao ensino fundamental de 5ª a 8ª série, enquanto que, em 2007, foi de 2,8. Com este resultado, a unidade superou a média estadual, que registrou desempenho de 3,1.
 Para o encontro com 133 dirigentes das escolas de Salvador que integram a Diretoria Regional de Educação (Direc 1A), na quarta-feira (15/12), o colégio apresentou o resultado do projeto Ciência, Tecnologia e Meio Ambiente, realizado com o apoio da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia (Fapesb). Com uma boa dose de criatividade foi possível transformar jornais velhos e restos de guarda-chuvas em roupas.
Para a diretora do Colégio Mestre Paulo dos Anjos, Elisia Mélia Silva Santos, estes encontros são de extrema importância. “A gente acaba incorporando as boas práticas e adequando à nossa realidade. Também conhecemos a forma como o outro lida com os problemas”, pontuou a dirigente. Já o diretor do Centro Estadual de Educação Profissional Newton Sucupira, em Mussurunga, Ruy Braga, ressalta a importância de socializar ideias inovadoras e diz: “como os encontros não são centralizados em uma escola, abre a oportunidade para conhecer outras unidades escolares e suas realidades”.
“Nós, da Secretaria da Educação, temos consciência plena do que trabalho árduo que está sendo realizado em todas as escolas e também de que há muito a ser feito. Tenho certeza de que a Secretaria está focando sua ação na escola. Temos que trabalhar no sentido de resgatar a autoestima da escola pública, de fortalecer o sentido de pertencimento à escola”, concluiu o secretário da Educação, Osvaldo Barreto.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

About the Author

Redação do Jornal Grande Bahia
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]