Brasil e Argentina lideram investigações anti-dumping na AL

Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.
Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.

Juntos, países apresentaram 12 pedidos de apuração sobre exportados; maioria das solicitações à OMC partiu da Índia e da União Europeia; grande parte das queixas era contra a China.

A Organização Mundial do Comércio, OMC, informou que o primeiro semestre deste ano registrou uma queda de 29% no número de pedidos de investigações anti-dumping.

A OMC comparou a quantidade de solicitações com a efetuada no mesmo período do ano passado.

Maior Parte

As medidas anti-dumping tentam evitar que empresas nacionais sejam prejudicadas por causa de importados vendidos a preço de dumping, que é uma prática considerada desleal.

De acordo com a agência da ONU, entre janeiro e junho, 19 países-membros apresentaram pedidos para 69 investigações.

Os líderes da América Latina são Argentina com sete pedidos e Brasil com cinco.

A maior parte das solicitações partiu da Índia com 17 registros e da União Europeia com oito.

A OMC informou que Índia, União Europeia, Brasil e Israel aumentaram o número de pedidos. Já Argentina, China, Colômbia e Estados Unidos, entre outros, diminuíram as solicitações com relação a 2009.

No primeiro semestre deste ano, a maioria das queixas era feita contra os importados da China.

Brasil e Japão também foram alvos de dois pedidos cada.

*Com informações da Rádio ONU em Nova York

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 110005 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]