Vereador denuncia contrato firmado pela prefeitura de Salvador, a partir de dispensa emergencial de licitação

Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.
Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.

Denúncia feita pelo Vereador petista Gilmar Santiago, líder da Oposição na Câmara Municipal de Salvador, acusa a Prefeitura de ter assinado um contrato, a partir de “dispensa emergencial de licitação”, que implicará no desembolso de R$ 3,45 milhões mensais, durante seis meses, em favor da empresa Portal de Vigilância Integrada Ltda. O resumo do contrato, feito através da Secretaria de Planejamento, Tecnologia e Gestão (Seplag), foi publicado no Diário Oficial do Município que circulou no feriado do Dia de Finados.

O denunciante adiantou que na próxima sessão da Casa apresentará um “requerimento para que o secretário Reinaldo Saback venha prestar esclarecimentos, explicar por que contratou com dispensa de licitação e somente divulgou o procedimento em pleno feriado. Os vereadores têm que saber”, considerou.

Ele também chama a atenção para o fato de que a partir da criação da Guarda Municipal cairia o argumento de dispensa emergencial de licitação. O contrato firmado com a Portal é para execução de serviços de vigilância e segurança patrimonial em órgãos públicos como a própria Seplag, Transalvador, Sucom, Saltur e Secretaria de Educação, Cultura, Esporte e Lazer (Secult).

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 115056 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.