OMS diz que fumo passivo mata 600 mil pessoas por ano

Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.
Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.

Pesquisa liderada pela Iniciativa Livre de Tabaco revela que mulheres e crianças são as maiores vítimas do problema.

Um estudo encomendado pela Organização Mundial da Saúde, OMS, revela que o fumo passivo mata 600 mil pessoas por ano. Quase metade das vítimas é mulheres. Já as crianças formam um terço dos óbitos.

A pesquisa da Iniciativa Livre de Tabaco, ILT, foi realizada em 192 países.

África e Sudeste da Ásia

A maioria dos casos de morte de crianças com infecções respiratórias, e outros sintomas relacionados ao cigarro, se deu em países da África e do sudeste da Ásia.

Todos os anos, o cigarro dos outros mata 281 mil mulheres. O fumo passivo também causa doenças coronárias, problemas respiratórios e câncer no pulmão.

A exposição ao cigarro, por quem não fuma, atinge 40% de crianças, a maioria delas sofre com o problema dentro da própria casa.

Mais Chances

Dados de 2004 indicam que 33% dos homens e 35% das mulheres não-fumantes foram expostos ao cigarro alheio.

Pela pesquisa da OMS, a Europa e a Ásia são os continentes com os mais altos índices de fumo passivo. As Américas, o leste do Mediterrâneo e a Ásia têm os números mais baixos de incidência.

As mulheres têm 50% a mais de chance de sofrerem com o fumo passivo que os homens.

*Com informação da Rádio ONU em Nova York.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 116735 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.