SEAGRI viabiliza crédito assistido ao agricultor familiar

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Jornal Grande Bahia compromisso em informar.
Jornal Grande Bahia compromisso em informar.

Em reunião realizada nesta quinta-feira (14/10/2010) com 20 articuladores das cadeias produtivas do estado, representantes da Secretaria Estadual da Agricultura, (Seagri) e da Empresa Baiana de Desenvolvimento Agrícola (EBDA), discutiram as metas do segmento. Englobar um maior número de agricultores familiares da Bahia no programa Crédito Assistido, identificar as reais demandas das cadeias produtivas do estado e erradicar o endividamento deles junto ao Banco do Nordeste, estão entre as prioridades debatidas pela Seagri.

O encontro contou com a participação do secretário da Agricultura, Eduardo Salles, e do presidente da EBDA, Emerson Leal, e debateu, entre outros assuntos, o implementação de um planejamento estratégico e o orçamento de R$ 1,033 milhão destinado ao crédito assistido.

O secretário Eduardo Salles destacou a importância da estruturação da agricultura familiar no estado e lembrou que, para tanto, está sendo elaborado o planejamento estratégico para os próximos 20 anos. Ele também lembrou a necessidade de todas as famílias de agricultores familiares serem contempladas com os programas sociais nos âmbitos federal, estadual e municipal.

“Nosso intuito é capacitar, através de acompanhamentos técnicos dos profissionais da EBDA, o agricultor familiar para que ele possa, com o resultado da sua produção, honrar seus compromissos junto às instituições financeiras que incentivam a agricultura familiar, como também escoar o excedente da sua produção. Estou indo para a China para divulgar os produtos oriundos da agricultura familiar da Bahia, para abrirmos novos mercados de consumidores”, disse Salles.

Segundo o presidente da EBDA, Emerson Leal, a Bahia já conseguiu beneficiar 43 mil agricultores com o programa Crédito Assistido, inclusive com o acompanhamento dos técnicos da empresa, por meio de assistência técnica, extensão rural e emissões das Daps, documento que habilita o agricultor a participar dos programas sociais.

“É da nossa competência direcionar o crédito para cada região, já que as mesmas possuem características singulares. Também avaliamos se esses créditos estão sendo bem utilizados, o que evita a má utilização dos recursos, consequentemente a baixa produção, e o inevitável inadimplemento por parte dos produtores” concluiu Leal

Dentro dessa vertente, informou Leal, a EBDA vem intensificando a capacitação dos seus técnicos, por meio de cursos, palestras e treinamentos, para que esses repassem os conhecimentos necessários a todos aqueles que estão na ponta das cadeias produtivas, o agricultor familiar.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 113847 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]