Áreas integradas de segurança pública são implantadas na RMS e no interior

Publicidade

Banner da Gujão: Campanha com o tema ‘Tudo fresquinho é melhor’, veiculada em 3 de junho de 2022.
Jornal Grande Bahia compromisso em informar.
Jornal Grande Bahia compromisso em informar.

Intensificar os trabalhos de integração dos serviços públicos de segurança no estado. Este é o objetivo das Áreas Integradas de Segurança Pública (Aisp), implantadas em 2009 na capital e ampliadas no dia 1º deste mês para a Região Metropolitana de Salvador (RMS) e o interior. Elas articulam iniciativas de prevenção e combate à criminalidade, aumentanto a eficiência da polícia por intermédio de procedimentos que atendam, com qualidade e custos adequados, às necessidades e expectativas da população usuária dos serviços de segurança pública.

Comandantes, coordenadores regionais e delegados titulares, designados para coordenação das Aisp, trabalham numa gestão participativa na identificação e resolução dos problemas locais de segurança pública, em parceria com as comunidades destas áreas.

De acordo com o projeto, os municípios de Camaçari, Lauro de Freitas, Simões Filho, Pojuca, Mata de São João, Dias D’Ávila, São Francisco do Conde, Candeias, Madre de Deus e São Sebastião do Passe, compõem cinco áreas integradas na RMS, funcionado como centros de referência em segurança pública.

As ações integradas entre Polícia Civil, Militar e Departamento de Polícia Técnica, que existem, há um ano, na capital, serão incorporadas também em 33 localidades do interior do estado. Estes limites territoriais, formados por municípios e distritos, permitem um planejamento conjunto das ações, além de favorecer as atividades operacionais dos órgãos da Secretaria da Segurança Pública (SSP).

Por meio de bases referenciais, é possível comparar períodos anteriores, resultados de outras Aips e saber onde melhorou, onde piorou e por quê. Na capital, as Aips resultaram da compatibilização das áreas de competência de Unidades Operacionais da Polícia Militar e Delegacias de Polícia Territoriais, com as divisões administrativas adotadas pelo município de Salvador, permitindo a consolidação referencial dos indicadores demográficos, sócioeconômicos e de infraestrutura. Também facilitam o planejamento e a oferta de serviços públicos essenciais.

Otimização

Segundo o superintendente de Ações Policiais Integradas da SSP, delegado federal Expedito Teixeira, a ampliação do projeto Aisp para a RMS e o interior levou em consideração os territórios de identidade, indicadores de criminalidade das regiões, especialmente os Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLI), a densidade demográfica, vias de acesso, barreiras naturais, dentre outros.

Expedito afirmou ainda que a intenção é compatibilizar territorialmente as estruturas e serviços dos órgãos policiais, otimizando a aplicação de recursos, a exemplo de veículos, armamento, comunicação, munição, treinamento, além de ações sociais e de prevenção, articuladas com outras secretarias e órgão municipais e federais.

“Pouca eficiência e efetividade tem uma barreira policial militar, numa blitz, por exemplo, se esta não estiver integrada com o trabalho de inteligência e em consonância com a atuação e formalização da Polícia Civil e do Departamento de Polícia Técnica. Uma blitz, que para alguns pode parecer uma ação simples, na verdade é um evento complexo que envolve e mobiliza toda a estrutura da segurança pública. Imagine se este trabalho não estiver integrado?”, questiona o delegado.

O modelo, que também torna possível a análise do desempenho policial, e já foi implantado no Rio de Janeiro, Pernambuco, Rio Grande do Sul e Minas Gerais, se soma ao Plano de Proteção ao Cidadão, lançado em julho, que engloba diversas operações especiais, em realização em Salvador, Feira de Santana, Itabuna, Porto Seguro e Vitória da Conquista. Na capital foram criadas 21 Áreas Integradas de Segurança Pública, sendo que 16 já estão implantadas.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 122004 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.