Mauá abre vagas para instrutores e consultores de artesanato baiano

Jornal Grande Bahia compromisso em informar.
Jornal Grande Bahia compromisso em informar.

Estão abertas as inscrições para o credenciamento de instrutores e consultores de artesanato para integrarem o Banco de Dados do Instituto Mauá. As vagas são para pessoas físicas e jurídicas. O prazo é até o dia 13 de setembro. Os interessados deverão ter nível médio ou superior, com experiência comprovada de trabalho como instrutor na área através de certificado ou atestado, experiência de atuação em comunidades, com trabalho em grupos e com crianças e adolescentes. É imprescindível ter disponibilidade para viajar. Os inscritos serão convocados para prestar serviços de acordo com a demanda.

O objetivo do Instituto é credenciar profissionais para realizar capacitações em comunidades no interior e na capital, com vistas ao desenvolvimento de tecnologias sociais que promovam inclusão, geração de trabalho e renda, e tornem a atividade artesanal mais competitiva e autossustentável. Todo trabalho desenvolvido será pautado nos princípios da Economia Solidária, com respeito ao meio ambiente e à sustentabilidade.

O edital contempla formação técnica em 23 tipologias: Aproveitamento de Material, Bordado, Cerâmica, Cestaria e Trançado, Artesanato em Couro, Crochê, Instrumentos Musicais, Macramê, Artesanato em Madeira, Artesanato em Massa Fria, Artesanato em Metal, Artesanato Mineral, Artesanato em Papel, Renda, Artesanato em Retalho, Tapeçaria, Tecelagem, Artesanato em Vidro, Artesanato Indígena, Artesanato Afrobrasileiro, Lembrança da Bahia, Estamparia em Tecido e Artesanato em Reciclagem.

Também serão credenciadas pessoas com formação em Antropologia, Sociologia, História, Economia, Pedagogia ou Designer em Artesanato, para instrutoria técnica nas comunidades a partir da implementação de pesquisas e projetos de identidade cultural que visam contribuir para o resgate e preservação das tradições artesanais. Os instrutores ainda deverão acompanhar e avaliar a viabilidade econômica dos projetos desenvolvidos pelas comunidades.

Interessados devem enviar propostas para a Copel/Mauá em envelope lacrado, por via postal e endereçado ao Instituto de Artesanato Visconde de Mauá (Largo Porto da Barra, 02, Barra, CEP: 40.140-970, Salvador/BA). Além do currículo com detalhamento das atividades e habilidades profissionais, é preciso descrever a metodologia, técnicas e dispositivos utilizados no desenvolvimento das capacitações, na didática e na qualificação da produção artesanal. É necessária a apresentação de RG, CPF e comprovante de inscrição no INSS ou PIS/PASEP – se for profissional autônomo.

O formulário está disponível no site do Instituto Mauá. Dúvidas e informações através dos e-mails: [email protected] ou [email protected]

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 111083 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]