I Expoagro Bahia movimenta a agropecuária

Com a expectativa de atrair cerca de 200 mil visitantes, a I Expoagro Bahia toma conta do Parque de Exposições de Salvador, privilegiando a união entre toda classe rural do estado. O evento segue até o dia 15 e tem a estimativa de movimentar R$ 5 milhões em negócios por meio de leilões, da venda indireta de animais e da comercialização de maquinários e implementos agrícolas.

“Trata-se da efetivação de um momento marcado pela união dos pecuaristas baianos em prol de um evento de alto nível. Aqui estamos dando continuidade à formatação do Planejamento Estratégico das principais cadeias produtivas, como o leite, o cacau e a caprinocultura, que vai ditar o desenvolvimento da agropecuária baiana nos próximos 20 anos”, afirmou o secretário de Agricultura, Eduardo Salles, durante a abertura do evento, realizada neste domingo (08), com o tradicional desfile de raças bovinas, caprinas, ovinas e eqüestres.

Na ocasião, o secretário entregou duas cestas simbólicas de leite a representantes das Voluntárias Sociais da Bahia (VSB). Numa ação inédita, a entidade vai receber dois mil litros de leite, doados pelo evento, que serão encaminhados a dez instituições de caridade da capital baiana.

Os presidentes das associações de raça e empresários do setor agropecuário marcaram presença, evidenciando a parceria do segmento que, hoje, é responsável por 24% do PIB, 30% dos empregos e 37% das exportações do estado. “Neste evento todas as associações de raça se uniram, com apoio da Seagri, para mostrar a forca do agronegócio baiano no cenário nacional. Estamos vivenciando um momento diferenciado, que reflete o amadurecimento do setor”, comentou o presidente da Associação Mangalarga Marchador, Matheus Braga.

O evento, com duração total de nove dias, investe em nova estrutura e fortalece o setor do agronegócio através de um modelo de gestão participativa. A organização estima a exposição de cinco mil animais de diversas espécies. O horário de funcionamento é das 8h às 01h, com ingressos a R$ 5. Crianças menores de 12 anos não pagam.

Diversão garantida

Passeios de charrete, de pônei, exposições de artesanatos de toda a Bahia, além de uma praça de alimentação com comidas típicas garantem a diversão para toda a família. “Estou achando tudo muito interessante e recomendo a todos que venham passear com os filhos. É divertido, uma coisa diferenciada a se fazer na cidade”, disse o engenheiro Henrique Chagas.

Entre as novidades trazidas pela primeira edição do evento, estão as apresentações de Team Penning (prova que envolve três cavaleiros e três bois), concurso leiteiro, exposição de animais domésticos e a mostra de maquinário inédito, como o primeiro trator chinês vendido no Nordeste, que chegou na Bahia há pouco mais de um mês.

Juntam-se a isso, as tradicionais exposições de gado, com representantes vencedores de concursos internacionais de bovinos. “Aqui, temos a maior exposição de gado leiteiro do Norte e Nordeste dos últimos tempos. Acreditamos nesta iniciativa e pelo que tenho visto, este é um evento promissor”, pontuou o criador Augusto Andrade.

Além disso, os estandes completam a programação oferecida. Entre eles, está o da Secretaria de Agricultura do Estado (Seagri), onde é possível conhecer todas as ações e órgaos governamentais em prol do desenvolvimento da agropecuária.

Parque de Exposições

Em outra ação inédita, cerca de 100 lotes de animais, embriões e equipamentos agrícolas foram arrematados no primeiro dia do evento (7), durante o 1º leilão Pecuária Forte. Foram arrematados lotes num total de R$ 150 mil. O valor, arrecadado pelas associações do setor, vai ser repassado para Seagri para reformar e modernizar o Parque de Exposições da Bahia.

“Vamos receber o valor arrecadado e agregar uma contrapartida do Estado, pois sabemos da importância do Parque de Exposições para a visibilidade do setor agropecuário baiano. Precisamos dessas iniciativas, pois elas fazem pensarmos o segmento a longo prazo”, observou o secretário.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

About the Author

Alberto Peixoto
Antonio Alberto de Oliveira Peixoto, nasceu em Feira de Santana, em 3 de setembro de 1950, é Bacharel em Administração de Empresas pela UNIFACS, e funcionário público lotado na Secretaria da Fazenda do Estado da Bahia, atua como articulista do Jornal Grande Bahia, escrevendo semanalmente, é escritor e tem entre as obras publicadas os livros de contos: 'Estórias que Deus Duvida', 'O Enterro da Sogra, 'Único Espermatozoide', 'Dasdores a Difícil Vida Fácil', participou da coletânea 'Bahia de Todos em Contos', Vol. III, através da editora Òmnira. Também atua incentivador da cultura nordestina, sendo conselheiro da Fundação Òmnira de Assistência Cultural e Comunitária, realizando atividades em favor de comunidades carentes de Salvador, Feira de Santana e Santo Antonio de Jesus. É Membro da Academia de Letras do Recôncavo (ALER), ocupando a cadeira de número 26. E-mail para contato: [email protected] Saiba mais sobre o autor visitando o endereço eletrônico http://www.albertopeixoto.com.br.

Be the first to comment on "I Expoagro Bahia movimenta a agropecuária"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*