Turistas devem deixar R$ 683 milhões em Salvador durante a Copa 2014

A capital baiana deve receber 759 mil visitantes nos meses de junho e julho de 2014, período em que será realizada a Copa do Mundo no Brasil. A estimativa da Secretaria de Turismo do Estado (Setur) foi apresentada, nesta sexta-feira (31/07/2010), pelo secretário Antonio Carlos Tramm, durante reunião do Fórum Estadual de Turismo, no Hotel Golden Tulip, em Salvador.

De acordo com o levantamento elaborado pela Superintendência de Investimentos e Pólos Turísticos da Secretaria de Turismo da Bahia, o aumento do fluxo de visitantes no mês de junho, em comparação a um ano sem Copa, será de 114,3%, com a chegada de 433 mil turistas, e em julho, de 325,6 mil, 15,4% a mais que o índice considerado normal. Os visitantes devem deixar R$ 683 milhões na economia local.

Para receber este elevado número de visitantes, o governo estadual iniciou os preparativos na área de turismo. O plano está baseado em cinco eixos – investimentos em infraestrutura, atração de empreendimentos privados, marketing e ações promocionais, qualificação profissional e requalificação da estrutura receptiva.

“Nesse primeiro momento estamos priorizando as ações de implantação de infraestrutura turística em Salvador, Baía de Todos-os-Santos e Litoral Norte”, explicou Tramm. A Bahia deve receber recursos da ordem de US$ 86 milhões, do Prodetur Nacional, para a implementação das ações previstas no Planejamento Estratégico de Turismo Náutico na Baía de Todos-os-Santos. “Isso inclui construção e reforma de atracadouros, terminais náuticos e marinas e também uma rodovia no entorno da BTS”.

Os investimentos públicos devem contemplar ainda melhorias no Porto de Salvador e a construção de um palco articulado para o Pelourinho e um oceanário em Salvador. Na área de investimentos privados, o governo deve atrair US$ 5,9 bilhões, que devem ser aplicados na Bahia até 2017, mas a previsão é dos empreendimentos, em sua maioria, serem inaugurados em 2014.

Silvio Pessoa, empresário que representa os hotéis, afirmou que é preciso melhorar a estrutura de mobilidade urbana da capital baiana, com a implantação de um meio de transporte de massa e destacou que os principais estabelecimentos de Salvador serão reformados para a Copa de 2014. Outro aspecto importante é a área de qualificação profissional, onde o estado já iniciou parcerias com a Abrasel, o Sindicato dos Hotéis e a Federação Nacional dos Guias de Turismo, representante dos bares e restaurantes.

De acordo com o presidente da entidade, Luiz Henrique do Amaral, 100 estabelecimentos participarão de programas de qualificação em Salvador. A capacitação profissional deve contemplar recepcionistas, motoristas de taxis, garçons, camareiras, gerentes de hotéis e pousadas, entre outros. A presidente da Federação Nacional dos Guias de Turismo (Fenagtur), Cristina Baumgarten, defende a iniciativa da Setur de adaptar o Projeto Guias e Monitores do Carnaval para a Copa do Mundo do Brasil. Ainda na área de receptivo haverá uma ampliação em serviços como o Disque Bahia Turismo, Serviço de Atendimento ao Turista (SATs) e o Portal Bahia, que funcionará numa quantidade maior de idiomas.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 116505 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.